Notícias / Policial

22/05/24 às 19:02 / Atualizada: 22/05/24 às 19:09

Mulher é presa em MT após omitir e acobertar abusos de seu companheiro contra a sua própria filha

Padrasto, já preso pelo crime, abusava de adolescente desde que ela tinha 11 anos de idade; menor disse à Polícia Civil que a mãe sabia e não interferia.

Mulher é presa em MT após omitir e acobertar abusos de seu companheiro contra a sua própria filha

Foto: Reprodução/Polícia Civil-MT

A mãe de uma menor vítima de estupro de vulnerável teve o mandado de prisão cumprido pela Polícia Civil, na tarde de terça-feira (21.05), dentro de investigações realizadas pela Delegacia de Comodoro (644 km a oeste de Cuiabá).

A mulher de 30 anos teve a ordem de prisão decretada pela Justiça por ser omissa aos abusos praticados por seu companheiro contra a sua filha, além de tentar interferir no processo judicial contra o investigado.

Há cerca de um mês, a equipe de investigadores da Delegacia de Comodoro cumpriu o mandado de prisão contra o homem de 60 anos pelo estupro de vulnerável da enteada. A ordem de prisão foi expedida pela Segunda Vara Criminal de Comodoro e cumprida na cidade de Pontes e Lacerda, onde o investigado foi localizado.

Ao ser ouvida, a menor, atualmente com 15 anos de idade, afirmou que os abusos ocorriam desde seus 11 anos e que sua mãe tinha conhecimento dos fatos e não fazia nada para impedir o seu companheiro.

Além disso, a mãe da vítima não foi colaborativa com as investigações e de alguma forma tentou interferir no processo judicial, de forma que o Ministério Público representou por sua prisão, que foi deferida pelo juízo local.

Com a ordem de prisão decretada pela Justiça, os policiais da Delegacia de Comodoro realizaram diligências até a cidade de Nova Lacerda, onde deram cumprimento ao mandado. A mulher foi conduzida para a delegacia de Comodoro para as providências necessárias e ficará à disposição da Justiça para o encaminhamento a uma unidade prisional feminina do Estado. (Assessoria/Polícia Civil-MT)

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
 
Sitevip Internet