Notícias / Saúde e Ciência

14/11/21 às 18:37

Dia Mundial do Diabetes: estimativa é que Brasil tenha 21,5 milhões de diabéticos até 2030

Uma das razões para o crescimento da doença é a falta de informação, aponta especialista

Victor Rosa

AguaBoaNews/São Paulo

Imprimir Enviar para um amigo
O Brasil é o 5º país em incidência de diabetes no mundo, com 16,8 milhões de doentes adultos (20 a 79 anos). Com estes valores, o país perde apenas para a China, Índia, Estados Unidos e Paquistão. De acordo com informações do Atlas do Diabetes da Federação Internacional de Diabetes (IDF), existe uma conjectura de que a doença chegue em 2030 a 21,5 milhões no Brasil.

Já segundo informações da 10º edição do IDF (Federação Internacional de Diabetes ), cerca de 537 milhões de adultos entre 20 e 79 anos de idade estão vivendo com diabetes no mundo e este valor pode chegar a 643 milhões até 2030 e 784 milhões em 2045.

Levando estes números em consideração, o Dia Mundial do Diabetes, celebrado em 14 de novembro, foi uma data escolhida pela Federação Internacional de Diabetes (IDF) e pela Organização Mundial de Saúde (OMS) para reforçar a conscientização a respeito da doença

Para a médica endocrinologista e presidente da Sociedade Brasileira de Diabetes (SBD) Regional Bahia, Thaisa Guedes, muitos fatores explicam esse dado, entre eles a falta de acesso à informação, ao diagnóstico e o tratamento adequado por grande parte da população.

Outros fatores de risco para o diabetes são: obesidade ou sobrepeso, pressão alta, colesterol ou triglicerídeos altos, história de pré-diabetes, diabetes gestacional ou presença de diabetes na família.

“Além disso, o sedentarismo e a má alimentação de muitas pessoas, com alimentos ricos em carboidratos e gorduras também contribuem para o aumento da doença”, pontua Thaisa, que também é professora do curso de Medicina da Rede UniFTC.

Tipos de diabetes - Diabetes é uma doença causada pela produção insuficiente ou má absorção de insulina, hormônio que regula a glicose no sangue e garante energia para o organismo. A insulina é um hormônio que tem a função de quebrar as moléculas de glicose (açúcar), transformando-a em energia para manutenção das células do nosso organismo.

O diabetes pode causar o aumento da glicemia e as altas taxas podem levar a complicações no coração, nas artérias, nos olhos, nos rins e nos nervos. Em casos mais graves, o diabetes pode levar à morte. Existem três tipos de diabetes: Tipo 1, Tipo 2 e Gestacional.

A diabetes Tipo 1, é uma doença crônica não transmissível e hereditária, que aparece geralmente na infância ou adolescência, mas pode ser diagnosticada em adultos também. Pessoas com parentes próximos que têm ou tiveram a doença devem fazer exames regularmente para acompanhar a glicose no sangue.

Já o Tipo 2, ocorre quando o corpo não aproveita adequadamente a insulina produzida. A causa do diabetes tipo 2 está diretamente relacionada ao sobrepeso, sedentarismo, triglicerídeos elevados, hipertensão e hábitos alimentares inadequados.

E a diabetes Gestacional ocorre temporariamente durante a gravidez. As taxas de açúcar no sangue ficam acima do normal, mas ainda abaixo do valor para ser classificada como diabetes tipo 2.

Prevenção - Para a médica Thaisa Guedes, a prevenção é feita com mudanças de estilo de vida, com uma alimentação balanceada, rica em verduras e legumes, prática regular de atividade física e controle de outras doenças pré-existentes como hipertensão ou colesterol alto.

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
 
Sitevip Internet