Notícias / Meio Ambiente

02/08/21 às 16:27

Em três meses, 11ª CIBM capacita 92 voluntários com formação de brigada de incêndio

Os cursos tiveram cargas horárias de 24 horas, sendo ministrados por 4 bombeiros militares em cada.

Davi Vittorazzi | CBMMT

AguaBoaNews/Cuiabá

Imprimir Enviar para um amigo
Em três meses, 11ª CIBM capacita 92 voluntários com formação de brigada de incêndio

Foto: CBMMT

Para atuarem em apoio e primeira respostas aos incêndios florestais, a 11ª Companhia Independente Bombeiro Militar (11ªCIBM) realizou durante os meses de maio, junho e julho 6 Cursos de Formação de Brigada de Incêndio Florestal, capacitando um total de 92 voluntários.  As formações ocorreram nos municípios de Campo Verde, Nova Brasilândia e Planalto da Serra.

Durante as capacitações, os alunos aprenderam técnicas de combate a incêndio florestal e primeiros socorros com apoio das fazendas locais, empresas privadas, sindicatos rurais e prefeituras municipais das respectivas cidades. Os cursos tiveram cargas horárias de 24 horas, sendo ministrados por 4 bombeiros militares em cada.

“Fornecemos o conhecimento técnico necessário para que os brigadistas possam executar as atividades de forma segura e com eficiência, principalmente através do combate aos incêndios enquanto se encontram em sua fase inicial. A capacitação permite ainda o despertar para a importância e relevância das atividades de prevenção, e os tornam, por consequência, multiplicadores dessa cultura”, destaca o Comandante da 11ª CIBM, 1º Tenente BM Álvaro.


Foto: CBMMT
 
As capacitações estão em conformidade com o Plano de Operações para a Temporada de Incêndios Florestais 2021 (POTIF-2021), que prevê na fase de preparação a capacitação do público externo, a fim de otimizar nossa capacidade operacional de prevenção e resposta aos incêndios florestais no Estado.

Além das capacitações, os voluntários receberam nas capacitações abafadores sustentáveis confeccionados pela 11ªCIBM. Ao todo foram 40 abafadores, feitos com correias de esteira doadas por empresas privadas e cabos fornecidos por moradores de alguns assentamentos da área rural de Campo Verde.

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

José Sarney

A furna da Marruá

Bobbio dizia que a velhice era muito boa e cheia de encantos, o maior deles o gosto de matar saudades. Mas eu acho que o divertimento maior da velhice é o espaço de contar histórias, bom para encher e passar o tempo. As...

 
 
 
 
Sitevip Internet