Notícias / Policial

19/08/15 às 17:26

Polícia Civil identifica suspeitos e encontra ossada de mãe e filho desaparecidos em Sorriso

O desaparecimento de uma adolescente e de seu bebê de 6 meses foi esclarecido pela Polícia Judiciária Civil , na manhã desta quarta-feira (19.08), em Sorriso, com o encontro da ossada das vítimas. A vítima Gislaine Garcia Oliveira, 15, e seu filho estavam desaparecidos desde o dia 20 de maio de 2014.

O ex-namorado de Gislaine e suposto pai da criança, M. W., 19, é apontado como mentor e executor do crime, cometido com a ajuda de dois menores de idade na época. Um deles atingiu a maior idade recentemente.

As investigações iniciaram há 10 dias, quando a mãe da vítima procurou a delegacia de Sorriso, com fotos da filha e do neto e cópia do Boletim de Ocorrência, registrado na época do desaparecimento. A mãe da vítima apresentou uma lista de ligações realizadas pela filha, que auxiliaram na identificação do suspeito.

Com base nas informações, policiais chegaram ao nome do suspeito M.W. com quem a vítima mantinha um relacionamento amoroso. A mãe da vítima relatou que sempre estranhou o relacionamento da filha com o suspeito, que não quis registrar filho. O suspeito foi preso recentemente acusado de envolvimento na morte de um mototaxista da cidade e permanece recolhido na Cadeia de Sorriso.

Em continuidade as investigações, a equipe de investigadores identificou os outros dois jovens que ajudaram na execução das vítimas. Os suspeitos foram conduzidos a Delegacia de Sorriso e ouvidos pelo delegado Bruno Sergio Magalhães Abreu. Eles confessaram o crime e apontaram o local onde os corpos foram enterrados.

Segundo os jovens, o crime foi cometido a pedido de M. W. que queria se livrar da adolescente e do bebê, pois se achava muito novo para ser pai. “Os comparsas menores de idade ficaram esperando no local do crime, quando o acusado M. W. chegou com as vítimas, que foram estranguladas e enterradas no mesmo lugar”, disse o delegado.

Na manhã desta quarta-feira (19), policiais se deslocaram até o Bairro União, na zona rural de Sorriso, onde os três suspeitos apontaram o local exato em que as vítimas forma enterradas. A perícia preliminar apontou que a ossada encontrada é de uma mulher e a outra de uma criança pequena. O material genético será recolhido para confirmar a identidade das vítimas e o laudo de necropsia deve apontar a causa da morte.

O delegado representou pelo mandado de prisão de M.W. que será cumprida na Cadeia de Sorriso, e pela internação dos outros dois suspeitos.
  • Polícia Civil identifica suspeitos e encontra ossada de mãe e filho desaparecidos em Sorriso
  • Polícia Civil identifica suspeitos e encontra ossada de mãe e filho desaparecidos em Sorriso
  • Polícia Civil identifica suspeitos e encontra ossada de mãe e filho desaparecidos em Sorriso

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Luciano Vacari

Sobre o que realmente interessa

Um dos grandes desafios do agronegócio brasileiro é apresentar sua importância social e econômica e, principalmente, a responsabilidade ambiental do setor, que é o que mais preserva vegetação nativa no...

 
 
 
 
Sitevip Internet