Notícias / Negócios

05/04/17 às 16:36

Vendas de veículos novos têm alta em março

Simone Alves

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
O comércio de veículos novos em Mato Grosso (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motocicletas, implementos rodoviários e outros) apresentou em março crescimento de 37,8% em relação a fevereiro. Foram emplacadas 6.585 unidades em março, contra 4.777 no mês anterior. 

Já na comparação entre março deste ano e o mesmo período de 2016 (7.355 unidades), o setor registrou baixa de 10,4% nos emplacamentos. 

Na avaliação do acumulado do primeiro trimestre, houve retração de 12,8% para todos os setores somados (foram emplacadas 19.227 unidades, contra 16.761 no mesmo período de 2016). 

Para o presidente da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) – Regional Mato Grosso -, Manoel Guedes, mesmo com queda acumulada, os emplacamentos demonstram sinais de recuperação.

Automóveis e Comerciais Leves
Os segmentos de automóveis e comerciais leves apresentaram alta de 37,9% em março, totalizando 3.222 unidades, contra 2.335 em fevereiro. Se comparado com março do ano passado (3.404 unidades), o resultado aponta uma queda de 5,35%. Já no acumulado do ano, esses segmentos caíram 10,4% (foram comercializadas 8.282 unidades de janeiro a março, contra 9.251 no mesmo período de 2016).

Pesados
Em fevereiro, 68 caminhões foram emplacados e em março 114 unidades, representando um aumento de 114,7%. Apenas 11 unidades de ônibus foram vendidas em março contra 8 vendidas em fevereiro, um aumento de 37,5%. Comparando março (146 unidades) deste ano com o mesmo mês do ano passado, o aumento foi de 69,7%.

Ainda falando de caminhões e ônibus, o primeiro trimestre de 2017 ganhou de 2016. Nos dois segmentos, a alta foi de 13,3%.

Motos
O segmento de motocicletas subiu 36,49% de fevereiro (2.124 unidades) para março (2.899). Em relação ao mesmo mês do ano passado, o resultado é negativo, pois houve uma queda de 17,2%. Queda também na comparação dos primeiros trimestres de 2016 e de 2017. A baixa foi de 16,3%.

De acordo com Guedes, a alta no mês de março foi fortemente impactada pelos cinco dias úteis a mais em relação a fevereiro e pelo otimismo que melhorou no comércio. “A economia apresenta sinais de melhoras, o que deve ocorrer de fato no segundo semestre. Esta é a expectativa do segmento”, disse.   
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

New Deal no Brasil

Bairro simples da periferia. O cheiro de café ainda estava pela cozinha e transpunha a sala com móveis simples, um sofá velho e uma antiga televisão que tinha em cima dela algumas xícaras, daquelas que têm o...

 

Enquete

Se a eleição para presidente tivesse Jair Bolsonaro e Sérgio Moro como candidatos, em quem você votaria?

 
 
 
Sitevip Internet