Notícias / Eleições

02/01/17 às 00:19 / Atualizada: 02/01/17 às 19:39

Torixoréu - Vereadores são liberados da delegacia e empossam prefeita temendo multas

Araguaia Notícia

Edição para Água Boa News, Clodoeste Kassu

Imprimir Enviar para um amigo
Torixoréu -  Vereadores são liberados da delegacia e empossam prefeita temendo multas

Vereadores finalmente empossaram a prefeita Inês Coelho

Foto: Divulgação

Os quatro vereadores da mesa diretora da Câmara de Torixoréu, a 51 km de Barra do Garças, foram liberados por volta das 18 horas da delegacia de Barra do Garças onde permaneceram detidos por aproximadamente cinco horas. Após saírem da delegacia, eles voltaram a Torixoréu e finalmente empossaram a prefeita Inês Coelho (PP) por volta das 21 horas.

Desta vez, não houve confusão. Os vereadores foram intimados para dar posse a Inês num prazo de 12 horas sob pena de serem multados em R$ 100 mil. O impasse começou na sessão de posse, na manhã de domingo (01/01) em que o presidente Juca do PV se negou a empossar Inês alegando que a prefeita tem processos na Justiça que a impediria de assumir o cargo.

A vereadora Maria Lúcia Rocha (PSDB) e os vereadores Deon Nunes (PSD) e Osvaldo Cotraço (PSDB) acompanharam Juca na decisão e também foram presos. O que os parlamentares não esperavam é Inês já estava com uma liminar em mãos para assumir e diante da desobediência, os vereadores foram presos e conduzidos pela Polícia Militar (PM) até a delegacia de Barra do Garças.

Na delegacia, foram ouvidos pelo delegado plantonista e assinaram um termo circunstanciado de ocorrência (TCO) de desobediência. A posse aconteceu sem incidentes, mas ficou claro um clima tenso entre vereadores da mesa e a prefeita.

Eleição tumultuada 
.
A eleição de Torixoréu foi uma das mais polêmicas de Mato Grosso. Inês entrou na disputa para substituir o marido, ex-prefeito Odoni Coelho, que foi cassado. Antes da eleição, o registro de candidatura de Inês foi impugnado como também do adversário Silvio Figueiredo (PSDB). Ao final do pleito, ambos apareceram com zero voto no placar do TRE.

Depois na Justiça, Inês conseguiu descongelar os votos e foi proclamada eleita. Mas para ser diplomada foi mais uma luta. Já que teve contas de campanha rejeitadas e a diplomação somente foi possível após recurso no TRE.

Apesar dos imbróglios políticos e eleitorais, Inês se diz pronta para administrar Torixoréu e foi empossada só após outra luta na Justiça.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Eduardo Gomes de Andrade

Gol de placa

Com o dobro da dimensão do Brasil a Rússia é o maior país do mundo. Seu gigantismo vai muito além da área territorial e avança pelos campos militar, econômico, cultural, esportivo...

 
 
 
 
Sitevip Internet