Notícias / Internacional

18/06/16 às 01:20 / Atualizada: 18/06/16 às 01:24

Governo e Azul assinam protocolo de intenções para voo entre Cuiabá e Santa Cruz

Assinatura de protocolo de intenções é fruto da Caravana da Integração comandada pelo Governo de Mato Grosso para estreitar relações com os países andinos

Thiago Andrade /Caroline Lanhi | Gcom-MT

AGUA BOA NEWS

Imprimir Enviar para um amigo
O governador Pedro Taques e o secretário adjunto de Turismo, Luis Carlos Nigro, assinaram nesta sexta-feira (17.06) com a empresa Azul Linhas Aéreas um protocolo de intenções para estudos e viabilização de uma nova rota de voo entre Cuiabá e Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. A ação é fruto da Caravana da Integração, expedição realizada pelo Governo de Mato Grosso pela Bolívia, Chile e Peru na busca do fortalecimento da ligação do Estado com os países do Oeste da América do Sul.

Taques está em São Paulo e se reuniu com o presidente da holding Azul, José Mário Caprioli; com o diretor de planejamento da Azul Viagens, Marcelo Bento; e o presidente executivo da empresa, Antonoaldo Neves. Na oportunidade, também foi assinado o protocolo de intenções para a criação de um voo entre Cuiabá e Barra do Garças.

Segundo o governador, os dois voos podem receber incentivos do Governo do Estado, por meio do programa Voe MT, criado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) e que proporciona a redução da alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) na compra de querosene de aviação para os voos regionais.

Taques destaca que o aeroporto Marechal Rondon já está apto a receber voos internacionais desde meados de abril. Para o governador, a ligação com Santa Cruz de La Sierra é prioridade para Mato Grosso por conta da estratégia de fortalecimento da economia com o Departamento de Santa Cruz.

O governador Pedro Taques destacou a importância da reunião desta sexta-feira. Para o chefe do Poder Executivo, a partir do Voe MT, a expectativa é de que a haja o aumento da malha viária regional. “Estes feitos são frutos da nossa viagem ao Pacífico, através da Caravana da Integração, também de criar um ambiente negocial em Mato Grosso, através de uma legislação que possa nos trazer segurança e tranquilidade para os investidores”, comentou o governador.

Segundo Taques, o presidente da Azul garantiu que em pouco tempo a empresa confirmará a linha entre Mato Grosso e Santa Cruz de La Sierra. O voo, segundo o governador, poderia ser uma alternativa para embarques de mato-grossenses para os Estados Unidos e Europa.

Para Luis Carlos Nigro, o voo proporciona o fortalecimento do turismo de Mato Grosso e o desenvolvimento econômico do estado. “Integração é a palavra de ordem do programa Voe MT, destinado ao incentivo de empresas aéreas que operam em Mato Grosso. Nossa ideia é integrar todos os municípios mato-grossenses e integrar nosso estado com a América do Sul. Hoje tivemos esse importante avanço com a Azul. Vamos trabalhar para lançar o mais breve possível esse voo”, reforçou Nigro. 



A partir de agora, a Azul Linha Aéreas fará um estudo de viabilidade de implantação da linha. Em seguida, buscará a liberação do voo por parte da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e com o governo boliviano.

Neste mês, a Azul Linhas Aéreas iniciou a operação da empresa com voos regulares para Sorriso (520 km ao norte de Cuiabá). Durante o encontro com a diretoria da empresa, Taques e Nigro agradeceram a confiança que a companhia aérea tem o com Estado.

Voe MT

O programa do governo para incentivar voos regionais prevê a redução de 20% do ICMS sobre o querosene de aviação para empresas que operam com voos regulares para, no mínimo, dois municípios do Estado. Empresas que operam com voos regulares em quatro municípios têm redução de 50% no ICMS do combustível. A porcentagem sobe para 60% para operação em cinco municípios.
A partir de seis municípios, a redução será de 72% no ICMS do querosene e 84% para empresas que operam em sete ou mais municípios com voos regionais.

Para voos internacionais, o Voe MT prevê a isenção da alíquota do ICMS nas saídas de combustível e lubrificantes para abastecimento de aeronaves com destino ao exterior, considerando que um município mato-grossense seja a origem, conexão ou destino. 

Também participaram da reunião na Azul o presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, deputado estadual Guilherme Maluf, e o deputado federal Fábio Garcia.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por João Neto, em 18/06/16 às 12:35

    Barra do Garças e todo Vale do Araguaia esperam ansiosos.

 
 

veja maisArtigos

Ronivaldo Lemos

Médico todo dia

Muito cedo eu tomei a decisão de ser médico. Estudei muito para entrar na Universidade Federal de Mato Grosso e me esforcei igualmente para me formar. Ali, nos corredores do Hospital Universitário, eu reafirmava todos os dias a...

 
 
 
 
Sitevip Internet