Notícias / Agricultura

01/02/16 às 17:46

CONTROLE FITOSSANITÁRIO - Indea autua duas propriedades por plantio irregular de soja

As áreas estão localizadas nos municípios de Primavera do Leste e Vera

Maíza Prioli Sedec-MT

AGUA BOA NEWS

Imprimir Enviar para um amigo
O Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea) autuou duas propriedades rurais na semana passada por plantio irregular de soja. As áreas estão localizadas nos municípios de Primavera do Leste e Vera. Os responsáveis pelas propriedades deverão destruir as lavouras irregulares sob a supervisão dos fiscais do órgão e deverão pagar multa que totaliza 572,5 Unidade de Padrão Fiscal (UPF), o que corresponde a cerca de R$ 69 mil.
 
Em Primavera do Leste, em uma área de 55 hectares foi constatado o plantio de soja sobre soja, o que contraria o artigo 5º da Instrução Normativa 002/2015 da Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) e Indea, que prevê a proibição do plantio em sucessão da cultura (safrinha de soja). A propriedade foi multada em 140 UPF, cerca de R$ 16,8 mil.
 
Já na propriedade rural localizada em Vera, o plantio estava sendo realizado em uma área de 200 hectares após o dia 15 de janeiro, data limite estipulada pelo órgão para o cultivo do grão em Mato Grosso na safra 2015/2016. A multa aplicada foi de 432,5 UPF, o que equivale a R$ 51,9 mil.
 
De acordo com a diretora técnica do Indea, Daniella Soares de Almeida Bueno, as equipes de fiscalização estão percorrendo propriedades rurais em todo o Estado visando o cumprimento das medidas de controle da Ferrugem Asiática. “A propriedade que descumprir qualquer medida fitossanitária descrita na Instrução Normativa será multada no valor de 30 UPF mais 2 UPF por hectare plantado ou não eliminado”, explica.
 
O Governo do Estado prorrogou em dezembro a data de plantio e colheita da safra 2015/2016 de soja nas lavouras que apresentaram perdas e precisarão de replantio. A semeadura poderia ser feita até 15 de janeiro e a colheita pode ser feita até 20 de maio de 2016, o que significa 15 dias a mais para cada um em relação a Instrução Normativa anterior. 
 
Já o plantio de soja sobre soja, ou safrinha, continua proibido assim como o período de vazio sanitário, de 15 de junho a 15 de setembro, visando a segurança sanitária, conforme consta na Instrução Normativa elaborada sob recomendação técnica.
 
Denúncias sobre plantio irregular de soja podem ser feitas ao Indea pelo telefone 0800-65-3015.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 
 
Sitevip Internet