Notícias / Policial

07/10/20 às 18:12

Carga de bebidas é apreendida pela Sefaz sem nota fiscal

Lorrana Carvalho | Sefaz/MT

AguaBoaNews / Cuiabá

Imprimir Enviar para um amigo
Carga de bebidas é apreendida pela Sefaz sem nota fiscal

Foto: Sefaz-MT

A Secretaria de Fazenda (Sefaz), por meio da Superintendência de Controle e Fiscalização de Trânsito (Sucit), apreendeu nesta terça-feira (07.10) uma carga com 8.676 caixas de cervejas e refrigerantes sem a devida documentação fiscal. A ação contou com o apoio da equipe da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e foi realizada durante operação de blitz na unidade da PRF em Santo Antônio do Leverger.

A equipe de fiscalização do posto fiscal Flávio Gomes, que estava participando da blitz, abordou uma carreta que seguia de Minas Gerais para a capital mato-grossense. Durante a abordagem, foram apresentados documentos fiscais que não condiziam com a mercadoria transportada.

Diante da situação, o veículo foi conduzido para o posto fiscal Flávio Gomes para conferência física da carga, momento em que foi constatada a irregularidade. Ou seja, as bebidas estavam desacompanhadas de nota fiscal e, por consequência, não havia o recolhimento o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

Para a Receita Estadual, a prática do transporte de mercadorias sem documentação fiscal ou acompanhadas de documentação inidônea configura crime contra a ordem tributária e causa prejuízos aos cofres públicos. Além disso, tal irregularidade fomenta a sonegação e concorrência desleal no comércio.

Segundo o superintendente de Controle e Fiscalização de Trânsito, Henrique Carnaúba, a principal função da fiscalização é combater a sonegação de tributos, evitando, assim, a concorrência desleal. “A fiscalização atua para coibir essa prática de irregularidade. É um valor que deixa de ser recolhido e deixa de ser investido em melhorias para a sociedade”.

Na ação realizada nesta quarta-feira (07.10), as bebidas foram apreendidas e serão liberadas após o pagamento do tributo devido. O valor total da mercadoria é de R$ 281.256,24 e a autuação fiscal pelo não pagamento do ICMS e multa totalizou R$ 158.192,05.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Ronivaldo Lemos

Médico todo dia

Muito cedo eu tomei a decisão de ser médico. Estudei muito para entrar na Universidade Federal de Mato Grosso e me esforcei igualmente para me formar. Ali, nos corredores do Hospital Universitário, eu reafirmava todos os dias a...

 
 
 
 
Sitevip Internet