Notícias / Justiça

24/08/20 às 14:42 / Atualizada: 28/08/20 às 17:44

Presidente do TJMT convida prefeitos a aderirem ao Programa Criança Feliz

Nadja Vasques, TJ/MT

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Presidente do TJMT convida prefeitos a aderirem ao Programa Criança Feliz

Foto: Divulgação

A fim de fortalecer o Programa Criança Feliz, envolvendo todas as instituições que compõem a rede de proteção à criança e ao adolescente, o presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargador Carlos Alberto Alves da Rocha, convidou os prefeitos de Mato Grosso a aderirem ao programa. Criado pelo governo federal e executado pelos municípios, sob a supervisão da Secretaria Estadual de Assistência Social e Cidadania (Setasc), o programa tem por objetivo promover o desenvolvimento integral das crianças na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida.
 
O convite do presidente foi feito por meio de um ofício enviado aos prefeitos, em que ele reafirma o compromisso de parceria com o programa e coloca à disposição dos municípios, para dirimir dúvidas, buscar informações, ou fazer a adesão, as Varas Especializadas em Infância e Adolescência das 79 comarcas do Estado. No ofício, o presidente destaca a importância de uma ação integrada, articulada e colaborativa para o fortalecimento das políticas protetivas de crianças e adolescentes, especialmente na primeira infância.
 
Para estimular a adesão dos prefeitos, o presidente antecipou que será divulgado, em breve, um projeto institucional de premiação aos municípios, com certificação de selo prata, ouro e diamante. No âmbito do Poder Judiciário de Mato Grosso, os projetos que visam o fortalecimento do Programa Criança Feliz estão inseridos no Escritório de Projetos da Coordenadoria de Orçamento e Planejamento (Coplan). Eles serão geridos e monitorados pela Coordenadoria da Infância e Juventude (CIJ), sob a responsabilidade do juiz Túlio Duailibi, e fiscalização direta da Presidência.
 
“O Poder Judiciário de Mato Grosso jamais se isentaria de contribuir para o desenvolvimento desse programa, que busca a proteção e a promoção do direito ao desenvolvimento humano integral da criança”, destacou o presidente.
 
O projeto institucional do Poder Judiciário de Mato Grosso conta com a parceria da Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc-MT), Conselho Estadual de Defesa da Criança e do Adolescente (CEDCA-MT), e Associação para o Desenvolvimento Social dos Municípios do Estado de Mato Grosso (APDM-MT). Ele será diretamente efetivado pelos magistrados e magistradas da infância e juventude das 79 comarcas da Justiça Estadual abrangendo, assim, todos os municípios do Estado.

 “Saliento que o objetivo, ao final da execução do projeto, é o de promovermos um grande alcance social das famílias mato-grossenses aos benefícios do Programa Criança Feliz e, também como resultado desta comunhão de esforços, contribuirmos, cada vez mais, para a melhoria dos cuidados com Primeira Infância em nosso Estado”, ressaltou o presidente.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Gilberto Figueiredo

Oficialização de Pazuello em Ministério garante continuidade de ações na Saúde

Foi com satisfação que recebi a notícia da permanência e oficialização de Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde. O gestor, que antes atuava como interino, assumiu oficialmente a pasta na...

 
 
 
 
Sitevip Internet