Notícias / Logística

30/07/20 às 21:37 / Atualizada: 30/07/20 às 22:17

Empresários visitam Santa Terezinha para discutirem sobre a Transaraguaia na Ilha do Bananal

Após visitarem o local aonde poderá ser instalado o Porto para travessia até a Ilha, sobrevoaram todo o percurso até a Lagoa da Confusão aonde participarão de uma reunião amanhã (31/07) discutirem ajustes finais sobre a recuperação da estrada.

João Evilson

Vip Araguaia

Imprimir Enviar para um amigo
Empresários visitam Santa Terezinha para discutirem sobre a Transaraguaia na Ilha do Bananal

Foto: João Evilson

Nesta quinta-feira (30/07) os empresários Leonardo Marques da Lagoa da Confusão e o empresário Bertin do Grupo Tigrão de Confresa estiveram em Santa Terezinha e juntos com o prefeito Euclésio Ferreto, a liderança indígena Cacique Renato Karaja e o Coordenador Regional da FUNAI Tenente Amaral, fizeram uma visita ao local aonde poderá ser instalado o Porto de travessia até a Ilha do Bananal para acesso à estrada Transaraguaia. O local por enquanto em análise é o atual Porto das Balsas, más há uma possibilidade ainda em estudo por causa da viabilidade da construção de outro porto a 4 km da cidade no sentido do Distrito Antônio Rosa por causa do curto percurso que a balsa irá fazer.

Parece assim mais uma promessa de políticos, pois a uns 30 anos vem se discutindo a recuperação dessa estrada e até então nenhum projeto a respeito tinha sido aprovado. Más, desta vez a estrada está a um passo de ser concretizada, pois não há políticos envolvidos diretamente no projeto, todo o custo da recuperação será custeado por empresários, o qual o recurso já está alocado e garantido por três grandes empresas interessadas nessa nova logística.

Outro problema que entrava a estrada a anos era a não aprovação da mesma pela comunidade indígena, que agora todos estão a favor e apoiando o projeto, pois além de facilitar o acesso aos índios das aldeias ao município da Lagoa da Confusão, Pium e a Capital Palmas, terão uma renda considerável com o grande tráfego que passará pela estrada, além de participarem também do lucro gerado pelas balsas no rio Araguaia e Javaé.

 
Segundo o empresário Leonardo Marques, um dos principais idealizadores e articulador do projeto, toda a renda gerada pelas balsas será destinada em torno de 11% para os indígenas e o restante será utilizado para a manutenção da estrada, o que diminui a especulação e assim poder manter um valor da travessia com custos mais baixos.

Outras articulações importantíssimas que estão sendo realizadas e que fez com que esse projeto seguisse em frente e para a sua concretização são dos prefeitos Nelson da Lagoa da Confusão e do Euclésio Ferreto de Santa Terezinha, além do Tenente Amaral coordenador regional da FUNAI e do empresário Leonardo Marques, que juntos estarão ajudando a realizar um sonho antigo de Santa Terezinha e da região, pois Santa Terezinha terá uma alavancada considerável em sua economia e deixará de ser uma cidade fim de linha.

Para que esta estrada se torne a mais nova rota de transporte de grãos da região Norte Araguaia/Xingú até o Porto em Palmas e para a entrada de fertilizantes com custos mais baixos vindo da Lagoa da Confusão, faltará apenas o Governo de Mato Grosso concluir a MT 413 com suas pontes e articular para a liberação da licença ambiental para a construção do Porto, pois pelo Governo Federal já está tudo encaminhado, inclusive o parecer favorável do IBAMA para a licença ambiental.

 
Santa Terezinha está mais próxima do que nunca de deixar de ser uma cidade fim de linha, pois com o tráfego que passará pelo município irá gerar mais renda e emprego, inclusive o empresário Bertin do Grupo Tigrão em seu comentário a respeito, disse que irá construir um Grande Posto na entrada da cidade às margens da MT-413, que só por esse investimento será gerado vários empregos e mais receitas para o município.

VÍDEO: Veja o que disseram o empresário Leonardo, o Prefeito Euclésio Ferretto, o Cacique Renato Karajá e o coordenador da FUNAI Tenente Amaral:
Imprimir Enviar para um amigo

Vídeo Relacionado

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Juacy da Silva

DIA DA ÁRVORE, DESMATAMENTO E QUEIMADAS

“Seu eu soubesse que o mundo iria acabar amanhã, hoje eu plantaria uma arvore”, Martinho Lutero, líder a Reforma Protestante, que viveu entre 1483 e 1546, poucos anos depois do descobrimento do Brasil, demonstra que a...

 
 
 
 
Sitevip Internet