Notícias / Água Boa

29/07/20 às 09:30

TRT - Sistema de energia fotovoltaica é instalado nas varas de Água Boa e Primavera do Leste

Assessoria

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
TRT - Sistema de energia fotovoltaica é instalado nas varas de Água Boa e Primavera do Leste

Foto: Assessoria

As varas do trabalho de Água Boa e Primavera do Leste são as mais novas unidades a instalar o sistema de energia fotovoltaica. Com estas, a Justiça do Trabalho em Mato Grosso passa a contar com nove unidades com tecnologia para captar luz solar e transformar em energia elétrica.

Desde 2018, o Tribunal Regional do Trabalho de Mato Grosso (TRT/MT) tem adotado medidas para reduzir o impacto das contas de energia nas despesas de custeio da instituição e, assim, disponibilizar recursos para serem investidos em outras áreas. A medida tem se mostrado importante e oportuna diante das limitações impostas pela Emenda Constitucional 95/2016, que estabeleceu limites para os gastos públicos.

A energia fotovoltaica se mostrou um investimento bastante oportuno em função do custo-benefício do sistema, que tem vida útil em torno de 20 anos e quase sem nenhuma manutenção. Além disso, a obtenção de energia a partir da luz do sol transforma o sistema em uma fonte limpa, renovável e com baixíssimo impacto ambiental.

Atualmente, os fóruns trabalhistas de Várzea Grande, Tangará da Serra, Sinop, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Peixoto de Azevedo e, mais recentemente, Água Boa e Primavera do Leste operam com energia fotovoltaica.

Os nove sistemas serão responsáveis pela produção anual de 698.000 KWh. De acordo com Secretaria de Infraestrutura, Serviços e Patrimônio do Tribunal, isso representa energia suficiente para atender 145 casas com consumo médio mensal de 400 KWh. O montante poderá representar também, levando em conta a tarifa atual de energia elétrica, uma estimativa de economia anual de 640 mil reais.

O Tribunal irá instalar o sistema de energia fotovoltaica em outras seis unidades, ação que precisou ser interrompida por conta da pandemia. Quando todas as 15 unidades estiverem em operação, a estimativa de economia anual será de R$ 1 milhão de reais.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - Pandemia com clausura

Quando chegamos ao Planeta Terra encontramos dificuldades no convívio com pessoas que vamos encontrando pelo caminho. Interessante que não adianta nos mudarmos de bairro, cidade e até de estado, que vamos nos deparar com...

 
 
 
 
Sitevip Internet