Notícias / Saúde e Ciência

17/07/20 às 10:24 / Atualizada: 17/07/20 às 10:41

Justiça decreta lockdown em Barra do Garças e Pontal do Araguaia

Com a decisão, a partir das 00h de sábado, somente serviços essenciais devem estar em funcionamento na cidade

João Pedro Donadel

Semana7

Imprimir Enviar para um amigo
Justiça decreta lockdown em Barra do Garças e Pontal do Araguaia

Foto: Divulgação

Foi expedida na noite de hoje (16), a decisão sobre a determinação de lockdown para Barra do Garças e Pontal do Araguaia, respeitando assim o decreto Estadual n°522, com as modificações do decreto Estadual n°532, que faz com que siga-se as medidas de restrição conforme o nível de contaminação estipulado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES). O lockdown começa às 00h do sábado (18).

A Ação Civil Pública (ACP) ajuizada pelo Ministério Público de Mato Grosso (MPMT) e a Defensoria Pública do Estado de Mato Grosso, núcleo de Barra do Garças, representado pela defensora Lindalva de Fátima Ramos, solicitava que o município atendesse as recomendações da Secretaria em relação às medidas de restrição em prevenção ao novo coronavírus.

Com a decisão, a partir das 00h de sábado, somente serviços essenciais devem estar em funcionamento na cidade, com pena de multa diária, caso haja descumprimento, de R$ 100 mil, ao patrimônio do agente público resistente. Na decisão, foi comunicado ao comando da Polícia Militar o conhecimento e providências ao cumprimento das medidas restritivas na cidade de Barra do Garças e Pontal do Araguaia. A decisão, entretanto, cabe recurso.

No último dia 9 de julho, Barra do Garças entrou na categoria de risco muito alto (vermelho) e Pontal do Araguaia está na categoria moderado, porém pela proximidade e alto fluxo de pessoas entre os dois municípios, deverá adotar as mesmas medidas.

Segundo o decreto estadual, as cidades classificadas com risco muito alto, deverão implementar quarentena coletiva obrigatória no território do município, por períodos de 15 (quinze) dias, prorrogáveis, mediante reavaliação da autoridade competente; controle do perímetro da área de contenção, por barreiras sanitárias, para triagem da entrada e saída de pessoas, ficando autorizada apenas a circulação de pessoas com o objetivo de acessar e exercer atividades essenciais; manutenção apenas de serviços públicos e atividades essenciais, em consonância com o Decreto Federal nº 10.282, de 20 de março de 2020, exceto academias, salões de beleza e barbearias.

Decisão AQUI

 
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Juacy da Silva

DIA DA ÁRVORE, DESMATAMENTO E QUEIMADAS

“Seu eu soubesse que o mundo iria acabar amanhã, hoje eu plantaria uma arvore”, Martinho Lutero, líder a Reforma Protestante, que viveu entre 1483 e 1546, poucos anos depois do descobrimento do Brasil, demonstra que a...

 
 
 
 
Sitevip Internet