Notícias / Notícias Gerais

11/05/20 às 21:05 / Atualizada: 11/05/20 às 21:19

Veja cidades de MT onde covid-19 causou 19 óbitos; 4 neste final de semana

Eduarda Fernandes , Gazeta Digital

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Veja cidades de MT onde covid-19 causou 19 óbitos; 4 neste final de semana

Foto: Gazeta Digital

Dezenove pessoas perderam a vida para a covid-19 em Mato Grosso. Uma das vítimas era morador do Rio de Janeiro. Só neste final de semana, foram 4 óbitos registrados pela Secretaria de Estado de Saúde (SES).
 
Até o momento, Barra do Garças perdeu 4 pessoas para a doença, porém, uma das vítimas era residente de Ponte Branca, motivo pelo qual a morte foi contabilizada nesta cidade.
 
Os municípios de Cuiabá, Rondonópolis e Sinop registram duas mortes cada. Os demais óbitos foram notificados pelas cidades de Lucas do Rio Verde, Cáceres, Aripuanã, Ponte Branca, Querência Mirassol D'Oeste, Nova Mutum e Várzea Grande.
 
O primeiro óbito ocorreu no dia 3 de abril, 18 dias após o primeiro caso confirmado de coronavírus em Mato Grosso. A vítima era Luiz Nunes, 54, morador de Lucas do Rio Verde. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Era diabético e hipertenso e apresentou sintomas da doença assim que voltou de uma viagem a Porto Alegre (RS). Luiz trabalhava como gerente de um supermercado.
 
A segunda vítima fatal da covid-19 em Mato Grosso ocorreu em Cáceres. Um idoso de 82 anos que não resistiu à doença pandêmica e morreu em 8 de abril. Ele sofria de diabetes e cardiopatia.
 
A 3ª morte foi de um morador de Aripuanã. Ele tinha 34 anos e não sofria de nenhum tipo de comorbidade. Segundo a SES, ele faleceu no dia 11 de abril. As notas informativas divulgadas pela secretaria informam esta morte foram de ordem cronológica em relação às demais.
 
No dia 8 de abril, foi registrada a 4ª morte por coronavírus no Estado. A vítima era um idoso de 79, morador de Rondonópolis, que sofria de neoplasia.
 
A primeira morte causada pela covid-19 em Cuiabá foi a 5ª do Estado. Nelson Antônio Ferraz, 79 anos, sofria de hipertensão e estava internado em um hospital particular da Capital. Ele era técnico em telecomunicações da Embratel Cuiabá. Faleceu em 15 de abril.
 
Um caminhoneiro de 54 anos, morador de Barra do Garças, foi a 6ª vítima do coronavírus em Mato Grosso. Ele era cardiopata e morreu em 20 de abril, 3 dias após ser diagnosticado.
 
O 7º óbito foi de um idoso, de 68 anos, morador de Rondonópolis. A vítima era cardiopata.
 
Uma moradora de Mirassol D'Oeste, de 24 anos, foi a 8ª vítima. Ela era obesa e estava internada na UTI do Hospital São Luiz, em Cáceres, e morreu em 23 de abril.
 
Em 25 de abril, o secretário adjunto de Saúde de Sinop, Wirciley Fonseca, 45, morreu em decorrência de complicações da covid-19 e se tornou a 9ª vítima no Estado. Hipertenso e obeso, ele estava internado e o quadro exigiu até a realização de hemodiálise. Wircicley era servidor concursado da prefeitura e foi internado após passar mal e ter falta de ar intensa, um dos sintomas da covid-19. Foram 27 dias de internação, sendo 23 na unidade de terapia intensiva (UTI) de um hospital particular.

 
Gazeta Digital
 
Um dia depois, em 26 de abril, morreu em Cuiabá um idoso de 92 anos, 10ª vítima do novo coronavírus em Mato Grosso. Ele morava no Rio de Janeiro e veio visitar parentes no Estado. Apresentou sintomas logo que chegou e foi internado em um hospital particular. Ainda é investigado se ele tinha algum tipo de comorbidade.
 
A 11ª vítima era um homem de 61 anos morador de Sinop. Ele estava internado na UTI desde 14 de abril e faleceu no dia 27 do mesmo mês. Ele sofria de hipertensão e diabetes.
 
Já o enfermeiro Athaide Celestino da Silva, 63 anos, residente de Cuiabá, foi a 12ª vítima da covid-19 no Estado. Ele estava internado na UTI há 37 dias quando morreu, no dia 2 deste mês. Athaide sofria de cardiopatia, hepatopatia e obesidade. O enfermeiro atuou por 37 anos na Saúde Estadual e trabalhava na Unidade III do complexo de saúde do Adauto Botelho.
 
No domingo (3), a secretaria anunciou o 13º óbito. O morador de Nova Mutum tinha 47 anos e estava internado no Hospital Regional de Sinop, desde 27 de abril, após o quadro de saúde se agravar. Ele era obeso.
 
A 14ª morte foi notificada pela SES nessa quinta (7). Trata-se de uma mulher com 72 anos, residente do município de Várzea Grande, que estava internada na Santa Casa, em Cuiabá. Ela tinha diabetes, cardiopatia e doença renal.
 
A 15ª vítima era um idoso de 89 anos, morador da área rural do Vale do São Domingos (491 km a Oeste da Capital) e morreu nessa quarta (6) antes que a UTI móvel conseguisse chegar em Cuiabá.
 
No último sábado (9), a SES recebeu a notificação de mais duas mortes por covid-19. Um morador de Querência, com 27 anos, que sofria de cardiopatia e obesidade, e estava internado em Barra do Garças. O outro era residente de Barra do Garças, um idoso de 72 anos que tinha diabetes, cardiopatia, obesidade e doença renal. Estes foram os 16º e 17º óbitos causados pelo coronavírus.
 
Ontem (10), foi confirmada a 18ª vítima fatal da doença pandêmica, um idoso de 82 anos que tinha pneumonia e hipertensão, morador de Ponte Branca. Também ontem, a SES foi notificada da 19ª vítima, moradora de Barra do Garças, a mulher tinha 60 anos.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - Pandemia com clausura

Quando chegamos ao Planeta Terra encontramos dificuldades no convívio com pessoas que vamos encontrando pelo caminho. Interessante que não adianta nos mudarmos de bairro, cidade e até de estado, que vamos nos deparar com...

 
 
 
 
Sitevip Internet