Notícias / Notícias Gerais

31/01/20 às 12:27 / Atualizada: 31/01/20 às 13:01

Família que andaria 3,8 mil km de Goiás até Roraima ganha passagens para viajar de ônibus

Após reportagem, eles receberam ajuda de moradores de vários estados e do exterior. Ananinas Pereira da Silva, a esposa e os três filhos já embarcaram e viagem deve durar seis dias.

Millena Barbosa, TV Anhanguera

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Família que andaria 3,8 mil km de Goiás até Roraima ganha passagens para viajar de ônibus

Família que iria andar 3,8 mil km de Goiás até Roraima ganha passagens para viajar de ônibus

Foto: Murilo Moreira/Arquivo pessoal

A família que ia andar quase 3, 8 mil km de Goiás até Roraima ganhou o dinheiro para as passagens e embarcou em um ônibus na noite de quinta-feira (30). A viagem deve durar seis dias. Após reportagem do G1 reproduzida pelo AguaBoaNews, o agricultor Ananinas Pereira da Silva, de 38 anos, a esposa e os três filhos conseguiram doações de moradores de vários estados e de outros países.
 
Em busca de condições melhores de vida, a família se mudou para Goiânia há um ano, mas não conseguiu trabalho. Eles colocaram tudo o que tinham em uma bicicleta adaptada com carretinha e iniciaram viagem a pé.
 
Pais e filhos já tinham percorrido 250 km de Goiânia até Iporá, onde encontraram a família do estudante Murilo Santos Nunes Moreira, de 21 anos, que ofereceu um local para eles ficarem até conseguirem o dinheiro para comprar as passagens. Foi o jovem quem os levou até a rodoviária da cidade.
 
"Eu encontrei eles na GO-060 debaixo de chuva, fiquei com muita dó e levei eles para casa dos meus familiares. No outro dia, já começamos andar pela cidade em busca de doações e, depois da reportagem, conseguimos todo o dinheiro. Estou muito feliz de ver que eles conseguiram e poderão voltar para a cidade deles", disse Murilo.
 
O agricultor decidiu se mudar para Goiás depois que sofreu um acidente de trabalho, pois ouvia as pessoas falarem que poderia ter mais qualidade de vida em território goiano. Porém, não conseguiu emprego e todo o dinheiro que tinha acabou. Sem ter onde morar, ele e os filhos, um menino de 12 e duas meninas de 10 e 7 anos, estavam vivendo nas ruas de Goiânia.
 
"Eu vendi a propriedade que eu tinha por R$ 12 mil, chegamos em Goiânia e começamos a pagar aluguel, mas logo o dinheiro acabou. Sem emprego, fomos morar na Marginal Botafogo e depois de muito sofrimento decidimos voltar pra casa. Enfrentamos fome e chuva, mas temos esperança que em Rorainópolis vamos ter uma vida melhor", disse Ananias.
 
Como não tinham condições de pagar pelas passagens, não tiveram dúvidas em seguir o percurso a pé.
 
"Enfrentamos fome e chuva, mas temos esperança que em Rorainópolis vamos ter uma vida melhor", disse Ananias.
 
Sem dinheiro para comprar passagens, família vai percorrer 1.800 km de bicicleta para voltar para cidade natal — Foto: Reprodução/Instagram
Sem dinheiro para comprar passagens, família vai percorrer 1.800 km de bicicleta para voltar para cidade natal — Foto: Reprodução/Instagram
Imprimir Enviar para um amigo

comentar2 comentários

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Ana Lucia, em 01/02/20 às 11:57

    Parabéns aos que ajudaram essa família. Que coração mais precioso desse rapaz que decidiu procurar ajuda para essa família. Quem planta amor, colhe amor e bênçãos.????????????????????

  • por Deicimonica, em 31/01/20 às 23:24

    Como e bom ver esse rapaz e sua esposa tão jovem ter uma iniciativa dessas esse e o Deus que nós servimos que transforma as pessoas parabéns Murilo Deus tem muito pra vida de vcs

 
 

veja maisArtigos

Ronivaldo Lemos

Médico todo dia

Muito cedo eu tomei a decisão de ser médico. Estudei muito para entrar na Universidade Federal de Mato Grosso e me esforcei igualmente para me formar. Ali, nos corredores do Hospital Universitário, eu reafirmava todos os dias a...

 
 
 
 
Sitevip Internet