Notícias / Policial

08/01/20 às 06:51

Crime organizado entra no contrabando de defensivos

Produtos estão vindo ilegalmente do Paraguai

Agrolink -Leonardo Gottems

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Crime organizado entra no contrabando de defensivos

Foto: inPEV Por:

Um crescente mercado negro de pesticidas ameaça o agronegócio no Brasil, que precisa combater grandes roubos de carga locais e reprimir produtos agrícolas contrabandeados do Paraguai. Apenas no último mês de Dezembro, 22 toneladas de agroquímicos roubados foram apreendidas em duas operações da Polícia Militar nos estados de Goiás e Tocantins, com cargas avaliadas em cerca de US$ 1,5 milhão. 

Embora não tenham sido realizadas prisões, os relatórios mostram que os maiores grupos do crime organizado no Brasil, o Primeiro Comando da Capital (PCC) e o Comando Vermelho, entraram no comércio ilegal de pesticidas. Em novembro, a rede britânica BBC informou que membros dessas facções invadiram fazendas para roubar estoques de defensivos agrícolas - usando até mesmo drones para localizar os produtos agrícolas. 
 
Os pesticidas também são cada vez mais contrabandeados do vizinho Paraguai, onde a regulamentação desses produtos são significativamente menos rígidos. Quatro toneladas de pesticidas foram apreendidas em outubro no Mato Grosso do Sul, após atravessar a fronteira.
 
Um relatório de junho de 2019 do Instituto de Desenvolvimento Econômico e Social das Fronteiras (IDESF) estimou que 20% dos pesticidas vendidos no Brasil eram de origem ilegal, a um custo anual de R$ 8,8 bilhões (cerca de US $ 2,1 bilhões). “O contrabando de pesticidas está crescendo no país à medida que a agricultura brasileira cresce ... Esse contrabando se tornou uma grande preocupação, pois não é mais um mercado pequeno, mas uma grande economia controlada por quadrilhas especializadas”, o diretor do IDESF, Luciano Stremel Barros, disse ao Senado Federal em setembro. 
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Coronavírus. Fé. Deus é Justo!

Deixamos de direcionar nossas metas de evolução e crescimento no âmbito da moral, e pior ainda, nos preocupamos com coisas materiais que não nos levam a nada, a não ser nos dar prazer e encantamentos, exaltando...

 
 
 
 
Sitevip Internet