Notícias / Governo de MT

05/01/20 às 07:04

Mauro Mendes avançou em 40% das promessas no primeiro ano de governo

Thiago Andrade, Gazeta Digital

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Mauro Mendes avançou em 40% das promessas no primeiro ano de governo

Foto: Tchélo Figueiredo/Secom

O governador Mauro Mendes (DEM) termininou o ano de 2019 cumprindo 11 das promessas de campanha que fez em 2018. O democrata cumpriu integralmente 3 propostas ao longo de 2019 e caminhou para cumprir outras 8 já no primeiro ano de gestão, o que representa 40% das pormessas feitas nas eleições de 2018. 
 
A primeira promessa cumprida por Mauro foi na área de educação.  Neste ano a Universidade do Estao de Mato Grosso (Unemat) abriu 221 bolsas de mestrado e 79 de doutorado aos professores da rede pública. Os dados são do balanço do site  G1.
 
Outra promessa também cumprida foi a implementação de um programa de pavimentação urbana e sinalização. Foram firmados 10 convênios, contemplando um total de 12.511 metros quadrados de pavimentação urbana. Desse total, 4.096 metros quadrados já foram pavimentados, em 12 municípios. 
 
Mauro também repassou em dia o dinheiro da saúde aos municípios. Os repasses de 2019 estão em dia, no valor R$ 405,5 milhões. Cuiabá recebeu R$ 132 milhões, Rondonópolis (212 km ao sul da Capital) R$ 51,2 milhões e Várzea Grande R$ 39 milhões. O volume de recursos foi o maior dos últimos 4 anos. 
 
O gestor já cumpriu em parte as promessas de pagar servidores, fornecedores, poderes e repasses obrigatórios em dia; cortar 30% dos cargos comissionados e extinguir secretarias; criar um programa de desburocratização, simplificação da legislação tributária e ambiental; ampliar as exportações em quantidade, diversificação e valor agregado dos produtos; criar programa para melhorias na infraestrutura das escolas e retomar e finalizar obras paralisadas; concluir obras de casas populares que estão paradas e investir o dinheiro do Fethab em habitação e a promessa de pavimentar, recuperar e realizar a manutenção de rodovias estaduais com recursos do Fethab e fazer uma Parceria Público-Privada (PPP).
 
 
Ele ainda não cumpriu 16 promessas: implantar Previdência Complementar para os novos servidores e opcional para os servidores nomeados; reduzir a carga tributária sobre o óleo diesel; concluir o parque tecnológico de Mato Grosso; implantar um programa de apoio à construção e implantação de Planos e Sistema Municipais de Cultura; fazer concurso público para a educação; criar o Conselho de Segurança Escolar; pagar a RGA aos servidores da educação e cumprir o previsto na Lei Orgânica dos Profissionais da Educação. 
 
O governador também não cumpriu as promessas de implantar o Plano Estadual de Esporte e Lazer; concluir as obras previstas para a Copa de 2014; concluir as obras do Rodoanel em Cuiabá; criar um consórcio para a compra de medicamentos; retomar obras do Hospital Universitário Júlio Müller; criar o programa Tolerância Zero; instituir o Observatório Estadual da Violência; criar o Disque Denúncia exclusivo para o combate ao tráfico de drogas e implantar um programa para melhorar os pontos turísticos.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - Pessoas que estavam lá!

Alguns têm certeza. Outros não acreditam. A maioria suspeita de que possa existir, e outros tantos preferem não se questionar. Estou falando de vidas...

 
 
 
 
Sitevip Internet