Notícias / Agricultura

10/12/19 às 21:56

Programa Luz Para Todos atenderá 61 municípios de MT até o fim de 2020

Assessoria

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Programa Luz Para Todos atenderá 61 municípios de MT até o fim de 2020

Foto: Assessoria

Moradores do Assentamento Monjolo em Chapada dos Guimarães, que até bem pouco tempo precisavam recorrer à lamparina ou geradores para iluminar as noites, agora contam com luz elétrica em suas casas, resultado do programa 'Luz para Todos' em Mato Grosso.

“Não era nada fácil. As pessoas antes não tinham acesso a uma geladeira, não conseguiam assistir uma televisão”, conta o morador, Misak Corss. Ele relembra que viveu seis anos sem energia no local, mas que a vida mudou da noite para dia assim que a energia chegou. “Pra mim foi como se eu tivesse ganhado na loteria, como lido com criação de porcos, consegui aumentar para 12 animais e melhorar o espaço. Além disso, tenho comecei a criar de frangos e agora conto com um triturador. Coisas que eu não podia fazer antes. O que mudou completamente a vida financeira da minha família”, destaca.

Misak é um dos exemplos das mais de nove mil famílias que deixaram de viver no escuro em Mato Grosso desde o início de 2018 com a chegada da energia elétrica. São moradores de regiões que foram atendidas pela 7ª Tranche do Programa Luz Para Todos. Desde o início das obras, a Energisa já construiu 7.387 quilômetros de rede em 61 cidades. A expectativa é que até dezembro, mais 3.338 ligações sejam realizadas no Estado, totalizando mais de 12,6 mil ligações.

No total, até o fim de 2020, moradores de 61 municípios de MT serão beneficiados, com 14.060 quilômetros de rede construídas.  O orçamento do programa para esta tranche é de R$ 350 milhões, com 227,5 milhões de investimentos do Governo Federal e 122,5 milhões da Energisa.

“Estamos com equipes dedicadas a fazer com que estas obras saiam o mais depressa possível, pois sabemos da diferença que a energia elétrica faz na vida das pessoas. Desde o início das obras em 2018, já instalamos mais de 68 mil postes e 7,4 mil transformadores, todos com materiais de alta qualidade. Até o fim de 2020, aproximadamente 60 mil postes ainda serão implantados”, explica o gerente de Construção e Manutenção da Distribuição da Energisa Mato Grosso, Roger Toledo Gissoni.

Todo o trabalho é feito com acompanhamento do Comitê Gestor do Luz Para Todos, que é composto por CONCEL, Eletrobras, Energisa, AMM, AGER, dentre outros orgãos. Neste ano, estão contemplados, por exemplo, os municípios de Rondolândia, Alto Araguaia, Tesouro, Apiacás, Cláudia, Nova Bandeirantes, Santa Carmem, Aripuanã, Brasnorte, Colniza, Cotriguaçu, Juara, Juína, Nova Maringá.

Para as obras, a Energisa segue as regras do manual do Programa Luz para Todos. Os transformadores, por exemplo, não podem passar de 15 kVA por unidade consumidora, com exceção de casos previstos na normativa. Além da rede para levar a energia até o local, a Energisa deixa instalado o padrão de entrada e a rede interna dos clientes beneficiados.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - Pandemia com clausura

Quando chegamos ao Planeta Terra encontramos dificuldades no convívio com pessoas que vamos encontrando pelo caminho. Interessante que não adianta nos mudarmos de bairro, cidade e até de estado, que vamos nos deparar com...

 
 
 
 
Sitevip Internet