Notícias / Curiosidades

07/11/19 às 17:57

​Como o trabalho freelancer vai mudar o mercado em 20 anos?

Jeferson Carlos

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Embora muitos pensem que o conceito de ser um freelancer seja novo, a realidade é que o modelo de atuação é antigo. Toda vez que alguém optou por contratar alguém esporadicamente para trabalhar, um freela foi feito.

De antemão, apenas tornou-se digital e hoje é comum encontrar profissionais que tem a sua renda principal disso. Por outro lado, outros usam para complementar a renda e traz para o mercado algo único: maior concorrência.

Entender mais sobre como esse trabalho pode mudar o cenário é algo muito importante e que será explorado. O texto mostrará as principais informações e a seguir reflexões muito importantes serão feitas por parte de todos.
 

Afinal, como o trabalho vai mudar o mercado em 20 anos?

Primeiramente, um freelancer é um termo em inglês e indica “profissional autônomo que executa uma atividade de modo independente”. Sendo assim, pode vir a prestar serviços a vários contratantes ao mesmo tempo.

A característica principal desse profissional é de não vir a possuir um vínculo de trabalho de maneira permanente com os empregadores. Esse fato consegue possibilitar que o freelancer administre e organize o seu trabalho.

É importante entender algumas questões que fazem com que o mercado seja mudado em 20 anos pelo trabalho freelancer. Chega-se ao momento de conferir e obter as principais informações, veja a seguir 5 pontos motivos.


O trabalho é liberal

Antes de mais nada, o trabalho liberal tem crescido e hoje muitos profissionais tem optado por esse caminho. A principal razão é a liberdade e autonomia, ou seja, o freelancer tem condições de aproveitar as vantagens.

Pense em uma empresa e chegue ao cenário conhecido: chefe, empregados, funções que aparecem e gasto com pessoal. É, deu para ver que a vida de uma empresa não é simples e o freelancer entra na contramão disso.

O projeto é criado e o freela precisa cumprir uma determinada função, ou seja, a contratação é para isso. Logo, o dinheiro é pago quando tudo é concluído e isso faz com que o freelancer trabalhe fortemente em prol disso.

Para a empresa ainda existe outra vantagem e trata-se de não precisar formalizar ou pagar qualquer imposto. Segundo os especialistas, o funcionário pode custar até o dobro devido a todos os encargos trabalhistas.


A contratação é por projeto

Não há nada pior para uma empresa do que ter um funcionário parado ou fazendo algo contra a sua vontade. Pense em um programador Java e a empresa não tem trabalho pelos próximos 15 dias, o que aconteceria?

É provável que o profissional vá até a empresa e não encontre trabalho, precisando ficar fazendo algo de fora da sua função. Assim, a chance de estar insatisfeito é grande e o comum é não ter um rendimento interessante.

Quando um freelancer é contratado para um projeto, o seu trabalho se dá apenas até a conclusão. Em seguida, o freela pode buscar outros trabalhos e a empresa segue a sua atuação, sem existir qualquer tipo de vínculo.

As vantagens acontecem para ambos os lados, porque o profissional não precisa sair de casa e não tem gastos. A empresa não registra e contrata apenas de acordo com a necessidade, ou seja, o custo é bem menor.
 

O profissional tem condição de trabalhar em casa mesmo

O futuro está ligado ao home office ou mesmo trabalho a distância e parece o paraíso, não é mesmo? Trabalhar de casa e estar perto da família, podendo fazer o seu horário e não enfrentar um chefe presencial, parece excelente?

É fato que é e a alternativa mais interessante é conhecer as razões que fazem com que o trabalho remoto aconteça. Dessa forma, é importante conhecer mais e veja a seguir por quê é interessante para as pessoas:
  • O tempo gasto até o trabalho nas grandes cidades é grande e compromete uma boa parte do dia;
  • Dependendo da cidade ou da região, o profissional pode ter dificuldades para conseguir trabalhar;
  • O freelancer pode fazer o seu salário e não há limite, porque muitos ganham valores bem elevados.
Desde já, o mais interessante é entender que o futuro é assim e cada vez mais as pessoas irão preferir trabalhar em casa. Em suma, o freelancer está atuando agora naquilo que irá acontecer em um futuro muito próximo.


Possibilidade de trabalhar em muitos projetos ao mesmo tempo

Imagine um freelancer que escreve textos para sites e que tem a chance de pegar 5 empresas diferentes. Ao mesmo tempo, os ganhos serão elevados e existe a chance de pegar quantos projetos o profissional desejar.

Continuando no exemplo anterior, imagine que cada projeto possa pagar R$ 1 mil por mês. Em seguida, faça as contas e o valor final ficará em R$ 5 mil, ou seja, é um valor muito interessante e que facilita bastante a vida, certo?

A questão por trás desse fato é simples e objetiva: o freelancer tem todas as condições para fazer a sua rotina de trabalho. Entretanto, para continuar mantendo a qualidade e a dica é não “dar um passo maior do que a perna”.
 

No futuro, o trabalho será mais “informal” do que atualmente e o freelancer é o caminho natural

À primeira vista, nas duas maiores do planeta, Estados Unidos e China, é comum que o trabalho seja mais “informal”. Todavia, não é válido entender como algo negativo e nos países, citados acima, o modelo funciona bem.

A grande questão é que as empresas não terão profissionais em seu quadro para ficar apenas como um número. Os orçamentos estão ficando cada vez mais enxutos e a internet possibilitou que a divulgação fosse mais barata.

A guerra não é mais comercial, mas é virtual e tecnologia, ou seja, a tendência para o futuro é o caminho do freelancer. Esses profissionais estão em vantagem em comparação aos demais e vale a pena pensar nisso.

Por fim, a dica mais importante para os futuros freelancers é terem disciplina para cuidarem da sua própria rotina. Em síntese, em 20 anos os freelas terão a chance de ganharem mais e as empresas poderão gastar muito menos.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

New Deal no Brasil

Bairro simples da periferia. O cheiro de café ainda estava pela cozinha e transpunha a sala com móveis simples, um sofá velho e uma antiga televisão que tinha em cima dela algumas xícaras, daquelas que têm o...

 

Enquete

Se a eleição para presidente tivesse Jair Bolsonaro e Sérgio Moro como candidatos, em quem você votaria?

 
 
 
Sitevip Internet