Notícias / Policial

03/11/19 às 16:14

Barra do Garças - Armas de fazendeiro são apreendidas após mula do vizinho ser encontrada morta na propriedade dele

Dono do animal chamou a polícia após ele ter sido encontrado morto na fazenda vizinha.

G1/MT

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo

Mula foi morta em fazenda — Foto: PM-MT/ Divulgação
 
As armas de um fazendeiro foram apreendidas em Barra do Garças, na noite de sábado (2), depois de uma mula ser encontrada morta na propriedade rural. Foram apreendidos duas armas de fogo e munições porque o proprietário não possuía autorização para ter as armas.
 
Conforme o boletim de ocorrência registrado pela Polícia Militar, o dono da mula chamou a polícia após o animal ter sido encontrado morto na fazenda vizinha.
 
Os policiais militares foram até a fazenda e identificaram pelo menos duas perfurações na cabeça e no pescoço do animal, provocadas por disparos de arma de fogo .
 
Perguntado sobre o caso, o proprietário da fazenda, onde o animal foi encontrado, contou que não ouviu nenhum barulho de tiro no local e disse que acreditava que o animal poderia ter sido atropelado ou picado por cobra.
 
Armas de fogo foram apreendidas — Foto: PM-MT/ Divulgação
Armas de fogo foram apreendidas — Foto: PM-MT/ Divulgação
 
O proprietário contou ainda, que na propriedade tinham duas espingardas, uma de calibre 36 e outra de calibre 22.
 
Como ele não possuía autorização para a posse das armas, os PMs apreenderam as espingardas e várias munições.
 
Os dois fazendeiros foram encaminhados para a delegacia de polícia, onde prestaram esclarecimentos sobre a morte da mula.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Telma Cenira Couto da Silva

Sapatos velhos

Meu pai foi um dos nove filhos de Silvério e Thomires. Passou seus primeiros anos em uma fazenda, longe da vida urbana e de suas convenções. Amava o cheiro da terra nua e a liberdade que a vida de campo lhe proporcionava. Veio...

 
 
 
 
Sitevip Internet