Notícias / Notícias Gerais

01/11/15 às 22:37

Jovem ganha carro ano 1975 que foi do avô: 'Só vendo se passar fome'

"Família de publicitário negociou carro de presente durante seis anos. Veículo está exposto no 1º Encontro Mato-grossense de Carros Antigos.

G1/MT

Imprimir Enviar para um amigo
Jovem ganha carro ano 1975 que foi do avô: 'Só vendo se passar fome'

Caminhonete de 1975 pertence a publicitário de Cuiabá

Foto: Carlos Palmeira/G1

A família do publicitário William Gomes, 27, negociou por seis anos um presente de aniversário especial para o jovem: uma caminhonete Ford F75 que pertencia ao avô dele. O veículo, que estava em Lucélia (SP), foi comprado pelo avô de William em 1975 e readquirido em 2009 para servir como presente surpresa para o neto. Após o presente de valor inestimável, William afirma que só venderá o carro “se estiver passando fome”.

William, que também atua como organizador de eventos em Cuiabá, conta que o avô Odair Minari, que mora no interior de São Paulo, comprou o carro ainda nos 1970 para trabalho. “Meu avô adquiriu o carro na concessionária no próprio ano de lançamento, em 1975. Ele servia para fazer o trabalho pesado, e arrastava todo tipo de material”, afirma.

Em meados de 2006, o jovem conta que o avô resolveu vender o carro para um conhecido da cidade no interior de São Paulo. A família, porém, não ficou sem o automóvel por muito tempo. Após cerca de três anos, todos já preparavam uma surpresa para o publicitário.

 
“Segundo eu fiquei sabendo, meu pai e meu avô ficaram cerca de seis meses negociando a recompra e a logística para trazer o carro para Cuiabá. Estava todo mundo sabendo disso, até minha namorada e meus amigos daqui [Cuiabá]”, relata.

Em seu aniversário de 21 anos, no ano de 2009, William recebeu a surpresa. “Estava em casa quando me chamaram para sair. Quando saí eu vi aquele carro antigo que era do meu avô estacionado em frente minha casa.  O melhor é que era um presente para mim”, conta.

O organizador de eventos afirma que desde então cuida do veículo como se fosse um familiar. “Eu tenho bastante apreço por ele, mais até do que meu avô. Ligo para ele [avô] pelo menos uma vez por semana para falar sobre o carro, para contar que ele está sendo bem cuidado. O preço dele é inestimável para mim”, diz.

William conta que o Ford F75 tem cerca de 40 mil km rodados e que ele o utiliza apenas em finais de semana. “Ele está em excelente estado, muito conservado. Meu avô já cuidava bem dele, e mesmo quando foi recomprado ele chegou funcionando bem”, conta.

Sobre se desfazer do veículo, William é taxativo. “De jeito nenhum. Só vendo se eu estiver passando fome, caso contrário não pretendo vendê-lo. Pretendo dá-lo para um filho meu, um dia. Se ele não gostar de carro como eu, sem problemas, o 'F75' fica comigo. Não vou reclamar”, relata rindo.

Evento
O Ford F75 é um dos modelos que estão expostos no 1º Encontro Mato-grossense de Carros Antigos. O evento começou na última sexta-feira (30) e vai até segunda-feira (2) na Arena Pantanal, em Cuiabá. A expectativa é que cerca de 200 veículos de todo o estado possam ser vistos pelo público. A entrada para o evento é gratuita e faixa etária é livre.

Além dos carros antigos, a Arena Pantanal está recebendo uma exposição de objetos antigos como vitrolas, filmadoras, rádios e televisões. Uma área com uma praça de alimentação também está instalada no local.

Uma das principais atrações é o 'Chevrolet Phaeton', ou 'Chevrolet Ramona' como ficou conhecido no Brasil, do ano de 1927. O veículo é o mais antigo presente no evento e é cuidado por um cuiabano há cerca de 7 anos.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - 'Pessoas de lua'

Quantas vezes nos deparamos com pessoas que podem ser colegas de trabalho ou até parentes e residentes na mesma morada que dizem: “hoje eu não estou nos meus dias”; “hoje não estou...

 

Enquete

Quem você gostaria que fosse o próximo presidente do Brasil

 
 
 
Sitevip Internet