Notícias / Educação

15/10/19 às 15:51

Barra do Garças - Universitária cria solo líquido e fica entre 10 melhores do Brasil em concurso de empreendedorismo

Uso do solo líquido para cultivo de hortaliças é prático e reduz consumo de recursos hídricos

Kayc Alves, Semana 7

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Barra do Garças - Universitária cria solo líquido e fica entre 10 melhores do Brasil em concurso de empreendedorismo

Foto: Arquivo Pessoal

O solo líquido, desenvolvido em Barra do Garças, na UFMT, ficou entre os 10 melhores projetos no concurso de empreendedorismo do ITA (Instituto Tecnológico de Aeronáutica). De autoria da estudante de agronomia Aline Ferreira Ramos, o produto é pensado para a produção de hortaliças e biodiversidade exótica, com praticidade e economia de recursos hídricos.

A embalagem contendo uma solução gelatinosa é capaz de desenvolver a planta, da germinação da semente até o seu consumo, sem que ela precise de abundância em água e muitos cuidados. O protótipo vem sendo aperfeiçoado por Aline, 26 anos, há um ano e dois meses. Ela cursa o 6º semestre de Agronomia, no Campus Araguaia, e, para o trabalho, recebe orientação do professor Márcio de Andrade.    

“O solo líquido é um solo sintético que nós estamos desenvolvendo com concentrações de água e de nutriente que a planta precisa. O foco dele é que ele tem uma pegada de sustentabilidade, porque reduz a concentração de recursos hídricos que é empregado na produção de hortaliças e da biodiversidade exótica”, explica a autora do projeto.    

As plantas exóticas referem-se a chás, temperos condimentados, entre outras típicas das regiões de Cerrado e de Amazônia. Segundo Aline, o produto é pensado para ter variedade, distinguindo a concentração de nutrientes, de acordo com a especificidade de cada planta.    

“Vai ter um tipo de concentração para produzir, por exemplo, a alface e outro diferente para produzir o jambu, que é uma planta típica da Amazônia”, destaca.    

O uso do solo líquido é simples e prático. As sementes são aplicadas no conteúdo em gel, para que se desenvolva dentro da própria embalagem. A partir daí, basta que a pessoa deixe a embalagem aberta em um local de contato com a luz solar.    

“O diferencial do nosso produto é porque ele é muito prático. A pessoa não precisa ter conhecimento de agronomia, conhecimento técnico e nem se dar ao trabalho de regrar essa planta todos os dias.”  

O protótipo ainda esta em fase de ajustes, mas se chegar ao mercado deverá atender principalmente a chamada agricultura vertical, praticada na cidade, sobretudo em residências onde a área para cultivo não existe ou é limitada.    

“É aquela agricultura voltada para apartamentos, para grandes centros urbanos, onde as pessoas não têm espaço para cultivar seu próprio alimento e querem produzir, porque gostam de consumir um alimento mais saudável, livre de pesticida, livres de agrotóxicos.”    

A invenção foi finalista no concurso ITA Challenge Desafio de Empreendedorismo, promovido pelo ITA, sendo o único projeto de Mato Grosso a classificar entre os 10 melhores do Brasil. Recentemente, o projeto também passou para a segunda fase do concurso Cultivando Talentos, do grupo 3M, etapa que tem entre seus classificados outro estudante do Campus Araguaia.  
 

Aline ainda foi homenageada na Câmara de Vereadores de Barra do Garças e de Pontal do Araguaia com uma moção de aplausos, pelos avanços em pesquisa na região. Ao lado dela também estavam as estudantes de Engenharia Civil Taynáh de Kassia Marques da Silva, de 20 anos, e Eduarda Correia Silva, de 19, criadoras do Concrenox, projeto que ficou entre os 30 melhores no concurso do ITA.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

New Deal no Brasil

Bairro simples da periferia. O cheiro de café ainda estava pela cozinha e transpunha a sala com móveis simples, um sofá velho e uma antiga televisão que tinha em cima dela algumas xícaras, daquelas que têm o...

 

Enquete

Se a eleição para presidente tivesse Jair Bolsonaro e Sérgio Moro como candidatos, em quem você votaria?

 
 
 
Sitevip Internet