Notícias / Governo de MT

04/10/19 às 15:15

Mauro Mendes se reúne com diretoria da Rumo, que garante mais três terminais em MT

O planejamento da empresa é de levar os trilhos da ferrovia para as cidades de Cuiabá, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum

Laice Souza | Secom-MT

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Mauro Mendes se reúne com diretoria da Rumo, que garante mais três terminais em MT

Reunião com os diretores da RUMO

Foto: Tchélo Figueiredo - SECOM/MT

O governador Mauro Mendes se reuniu, nesta quinta-feira (3), com a diretoria da Rumo, concessionária responsável pela ferrovia em Mato Grosso.

Os diretores confirmaram ao governador que o Estado será beneficiado diretamente com aumento o no investimento e expansão da malha, assim que for autorizada a renovação da “Rumo Malha Paulista”.

A Malha Paulista é a concessionária que administra a malha ferroviária em São Paulo, por onde se escoa a produção agrícola e industrial de Mato Grosso. O contrato se encerra no ano de 2028. A concessionária tenta a renovação antecipada do contrato por mais 30 anos.

“Se fechar essa renovação, nós teremos muitas coisas boas para Mato Grosso”, destacou o diretor da Rumo, Guilherme Penin. Ele explicou ao governador que a previsão da empresa é, para os próximos 5 anos, com a renovação da “Malha Paulista”, investir R$ 15 bilhões com ampliação e melhorias na malha ferroviária.

Parte desse investimento, segundo o diretor, será destinado para o Estado de Mato Grosso. O planejamento da empresa é de levar os trilhos da ferrovia para as cidades de Cuiabá, Lucas do Rio Verde e Nova Mutum. Ao todo, o projeto prevê a construção de três novos terminais para o transporte da produção agrícola e industrial.

Na reunião, os diretores atualizaram o governador de todo o trabalho em andamento, pois Mauro Mendes tem lutado em Brasília pela renovação da Malha Paulista. “Essa é uma defesa de Mato Grosso, pela nossa competitividade nos mercados internacionais, já que a ferrovia escoa a nossa produção até o porto de Santos”, ressaltou.

O governador já participou na capital federal de três reuniões nas quais foram debatidas a importância da renovação. Inclusive, uma das reuniões foi com o relator do processo no Tribunal de Contas da União, ministro Augusto Nardes.

“Essa antecipação da prorrogação dá segurança jurídica para que a concessionária possa investir nas nossas ferrovias, trazendo os trilhos até a nossa Capital e também para as cidades de Lucas do Rio Verde e Nova Mutum”, disse. 
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

A Exclusão e o Pancadão

Uns anos atrás, escrevi um artigo sobre a repressão praticada pelos seguranças dentro dos shoppings centers em São Paulo, uma vez que não permitiam que grupos de jovens da periferia, que marcavam encontros chamados...

 
 
 
 
Sitevip Internet