Notícias / Policial

07/09/19 às 09:15

Curitiba - PRF e Polícia Civil apreendem R$ 2 milhões em medicamentos importados ilegalmente do Paraguai

Carro foi abordado em uma via local de Curitiba, após denúncia anônima recebida pela PRF; motorista está preso

Assessoria PRF

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Curitiba - PRF e Polícia Civil apreendem R$ 2 milhões em medicamentos importados ilegalmente do Paraguai

Foto: Assessoria PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Polícia Civil (PC) do Paraná apreenderam um carro que transportava três caixas com medicamentos importados ilegalmente do Paraguai na tarde do último domingo (1º) em Curitiba.

O carro, um Ford Fusion branco, transitava na BR-277, quando a PRF recebeu uma denúncia anônima de que ele transportaria uma carga ilícita.

A abordagem ocorreu em uma rua do bairro Orleans, em Curitiba. O motorista, de 34 anos de idade, foi preso em flagrante.

Entre os medicamentos apreendidos estão esteroides anabolizantes, emagrecedores e estimulantes sexuais. Nenhum dos itens importados têm autorização da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O valor estimado da carga apreendida ultrapassa R$ 2 milhões.

O homem vinha de Foz do Iguaçu e faria a entrega dos medicamentos em Curitiba. Ele responderá pelo crime de importar ilegalmente produtos destinados a fins terapêuticos ou medicinais, previsto no artigo 273 do Código Penal. A pena varia de dez a 15 anos de prisão.

Os agentes encaminharam a ocorrência para a Delegacia de Crimes contra a Economia e Proteção ao Consumidor (Delcon), em Curitiba.
 
Imprimir Enviar para um amigo

Vídeo Relacionado

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Dr. Rosário Casalenuovo Júnior

Queimada e tempo seco não são os agentes principais das doenças respiratórias

As clínicas de otorrinolaringologista e pneumologia ficam cheias nesta época do ano. Crianças e idosos sofrem para dormir, principalmente devido à baixa resistência do organismo, fato que provoca com facilidade...

 
 
 
 
Sitevip Internet