Notícias / Meio Ambiente

06/09/19 às 09:45

Exército anuncia envio de 100 militares para atuar no combate a incêndios florestais na Serra do Cachimbo

Metade da tropa partiu de Belém nesta quinta, 5, e a outra metade deve chegar ao local de combate na sexta, 6.

G1 PA — BelémG1 PA — Belém

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Exército anuncia envio de 100 militares para atuar no combate a incêndios florestais na Serra do Cachimbo

Serra do Cachimbo

Foto: Rodrigo Sargaço/TG

O Exército Brasileiro informou nesta quinta-feira (5) que 100 novos militares serão enviados para atuar no combate aos incêndios florestais na região de Serra do Cachimbo, no sul do Pará, na divisa com o estado do Mato Grosso. Segundo o Exército, os militares serão deslocados do 2° Batalhão de Infantaria de Selva, em Belém.
 
Ainda de acordo com o Exército, 50 militares já partiram para a Serra do Cachimbo na tarde desta quinta. O restante da tropa será enviada ao local na sexta-feira (6). O voo está presvisto para partir às 14h30, da Base Aérea de Belém.
 
A ação no estado faz parte da Garantia da Lei e da Ordem (GLO) assinada pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL), na sexta-feira (23), com objetivo de controlar as queimadas na Amazônia.
 
Cerca de 4000 mil pessoas pessoas estão trabalhando no combate às queimadas em todo o Pará, segundo as Forças Armadas. De acordo com o Exército, eles vão atuar em áreas de preservação atingidas pelo fogo.
 
A Polícia Civil do Pará também mandou duas equipes investigarem a denúncia de que produtores rurais teriam se organizado para promover queimadas há duas semanas, em um evento batizado de Dia do Fogo. A Polícia Federal também apura o caso.
 
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Dr. Rosário Casalenuovo Júnior

Queimada e tempo seco não são os agentes principais das doenças respiratórias

As clínicas de otorrinolaringologista e pneumologia ficam cheias nesta época do ano. Crianças e idosos sofrem para dormir, principalmente devido à baixa resistência do organismo, fato que provoca com facilidade...

 
 
 
 
Sitevip Internet