Notícias / Meio Ambiente

14/08/19 às 08:27

Alto Araguaia - Ministério Público participa da Expedição Araguaia Cidadão

Ana Luíza Anache, MP/MT

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Alto Araguaia - Ministério Público participa da Expedição Araguaia Cidadão

Foto: Assessoria

Os promotores de Justiça Marcelo Domingos Mansour, Wdison Luiz Franco Mendes, Luciana Rocha Abrão David e Nathalia Carol Manzano Magnani integram a comitiva da expedição Araguaia Cidadão, que levará serviços de acesso à Justiça, à saúde, à cidadania e de consciência ambiental à população de seis municípios das regiões sul e leste de Mato Grosso. O projeto percorrerá 1,5 mil km, de 13 a 21 de agosto, passando pelas cidades de Alto Araguaia, Araguainha, Ponte Branca, Ribeirãozinho, Torixoréu e Pontal do Araguaia. 

O Araguaia Cidadão é uma iniciativa do Poder Judiciário de Mato Grosso com apoio de diversos parceiros, inclusive do Ministério Público. A solenidade de abertura da 1ª edição do projeto ocorre na manhã desta terça-feira (13). Marcelo Mansour, da 1ª Promotoria de Justiça Cível de Alto Araguaia, representa o procurador-geral de Justiça José Antônio Borges Pereira no evento. “Sigo com o grupo até sexta-feira (16), passando pelas cidades de Alto Araguaia, Araguainha e Ponte Branca, que integram a comarca. Nos atendimentos, o Ministério Público de Mato Grosso cumprirá com as funções institucionais estabelecidas constitucionalmente, incluindo a celebração de acordos judiciais”, explicou. 

A partir do dia 17, passam a integrar a comitiva os promotores da comarca de Barra do Garças, Wdison Mendes, Luciana David, Nathalia Magnani e Marcos Brant Gambier Costa atenderão nas cidades de Ribeirãozinho, Torixoréu e Pontal do Araguaia, respectivamente. Serão oferecidos serviços como registro tardio de nascimento, resolução de conflitos sociais, casamento comunitário, consultas médicas com clínicos e oftalmologistas, atendimentos odontológicos, vacinas e a confecção de documentos.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

A Exclusão e o Pancadão

Uns anos atrás, escrevi um artigo sobre a repressão praticada pelos seguranças dentro dos shoppings centers em São Paulo, uma vez que não permitiam que grupos de jovens da periferia, que marcavam encontros chamados...

 
 
 
 
Sitevip Internet