Notícias / Justiça

11/06/19 às 08:12 / Atualizada: 11/06/19 às 08:22

STF deve julgar pedido de liberdade de Lula nesta 3ª-feira

Ricardo Brito, Reuters Staff

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
STF deve julgar pedido de liberdade de Lula nesta 3ª-feira

Foto: Divulgação STF

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) deve julgar nesta terça-feira um pedido de liberdade apresentado pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que está preso desde abril do ano passado cumprindo pena no âmbito da operação Lava Jato.
 
O julgamento entrou na pauta do colegiado após a publicação de reportagens pelo site Intercept que mostram uma suposta colaboração do hoje ministro da Justiça, Sergio Moro, então juiz responsável pela Lava Jato em Curitiba, e o coordenador da operação no Ministério Público Federal, Deltan Dallagnol.
 
A alegada troca de mensagens entre Moro e Dallagnol —que o site disse ter obtido de uma fonte anônima— aponta para conversas que supostamente indicariam que o ex-juiz teria orientado investigações dos procuradores envolvendo Lula. Moro e os procuradores negaram direcionamento e alegam que as supostas conversas foram obtidas de forma criminosa.

A Segunda Turma do STF incluiu na pauta de julgamento um recurso da defesa do ex-presidente que questionava uma decisão do ano passado do ministro Felix Fischer, do Superior Tribunal de Justiça (STJ), no processo do tríplex do Guarujá (SP). Moro foi o responsável pela condenação de Lula em primeira instância nesse processo, abrindo caminho para a prisão do petista.

Inicialmente, esse recurso começou a ser apreciado pelo plenário virtual da Segunda Turma —quando os ministros votam de maneira remota por meio de um sistema eletrônico—, mas o julgamento fora interrompido por um pedido de vista do ministro Gilmar Mendes. Agora, o recurso de Lula deverá ser retomado para análise dos ministros no plenário físico.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Paiva Netto

Hiroshima

Em 6 de agosto de 2019, precisamente às 8h15, completam-se 74 anos do lançamento da bomba atômica sobre Hiroshima, depois foi a vez de Nagasaki, também no Japão. Data que jamais será varrida das...

 
 
 
 
Sitevip Internet