Notícias / Nacional

08/06/19 às 19:07

Caixa reduz juros do financiamento habitacional a partir desta segunda-feira (10)

Além disso, o banco anunciou a renegociação de dívidas imobiliárias de pessoas físicas

De Brasília repórter Cintia Moreira

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Caixa reduz juros do financiamento habitacional a partir desta segunda-feira (10)

Foto: Divulgação

Boa notícia para aquelas pessoas que sonham em comprar a casa própria. A partir desta segunda-feira (10), a Caixa Econômica Federal vai reduzir as taxas de juros cobradas no financiamento imobiliário com recursos da poupança.

De acordo com o vice-presidente de Habitação da Caixa Econômica Federal, Jair Luis Mahl, a nova taxa passou para 8,5% ao ano.

“Agora, ela (Caixa) está reduzindo a taxa de juros para financiamentos habitacionais que não estão enquadrados no Minha Casa, Minha Vida – que são aqueles recursos que são oriundos da poupança. Então, foram esses financiamentos habitacionais que nós, agora, reduzimos a taxa para até 8,5% ao ano”, conta.

As novas taxas vão valer não apenas para a aquisição de imóveis novos, mas também para o financiamento de imóveis usados, a compra de terreno para construção, a construção em terreno próprio, além de ampliações e reformas.

Além disso, a Caixa anunciou a renegociação de dívidas imobiliárias de pessoas físicas. Segundo o vice-presidente de Habitação do banco, Jair Luis Mahl, essa medida vai servir para que a população consiga colocar seus financiamentos em dia, saiam do endividamento e parem de pagar juros.

“O cliente pode pagar à vista o valor da entrada, que geralmente é uma prestação atualizada, e ainda incorporar as demais parcelas nas próximas prestações que irão vencer. Além disso, o cliente continua podendo usar, em alguns casos, seu próprio FGTS para fazer o pagamento quando tem alguma prestação atrasada – neste caso, não mais de três. E outra possibilidade é o cliente mudar a data do vencimento da prestação. Isso também faz com que consiga colocar a prestação em dia”, ressalta.

Segundo a Caixa Econômica Federal, essa renegociação vai beneficiar quase 600 mil famílias devedoras.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Paiva Netto

Hiroshima

Em 6 de agosto de 2019, precisamente às 8h15, completam-se 74 anos do lançamento da bomba atômica sobre Hiroshima, depois foi a vez de Nagasaki, também no Japão. Data que jamais será varrida das...

 
 
 
 
Sitevip Internet