Notícias / Agronegócios

10/04/19 às 22:12

Acrimat em Ação finaliza mais um ciclo de palestras no interior de MT

Entre 1º e 8 de abril, a equipe técnica da Acrimat levou informação aos pecuaristas de 7 municípios por meio do projeto itinerante “Acrimat em Ação 2019”

Assessoria

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Acrimat em Ação finaliza mais um ciclo de palestras no interior de MT

Acrimat em Ação em Cocalinho

Foto: Assessoria

Juntos, os municípios de Água Boa, Vila Rica, Ribeirão Cascalheira, Canarana, Cocalinho, Poxoréu e Paranatinga somam um rebanho com cerca de 2,6 milhões de cabeças. A palestra “Da Cria ao Abate: Mais Peso, Mais Lucro”, foi ministrada pelo professor doutor e pesquisador da Embrapa Gado de Corte, Antônio Rosa.

O vice-presidente da Acrimat, Luís Fernando Amado Conte, destaca o fato de a associação levar informação para onde acontece a pecuária, nos rincões de Mato Grosso. “Temos visto que o pecuarista tem utilizado dos recursos apresentados nas palestras e tem agregado produtividade da pecuária de corte em Mato Grosso. A Acrimat tem sido muito feliz na escolha dos temas, que são fáceis de serem aplicados no campo, que não exigem grande aporte financeiro para a implementação e assim tem sido há vários anos”.

A pecuarista de Canarana, Bruna Paro, identificou os assuntos apresentados na palestra com as ações que já tem implementado em sua propriedade. “A Acrimat é muito presente, e proporciona muita informação. A palestra, por exemplo, foi de grande valia. Percebi que estamos no caminho certo, trabalhando para o melhoramento genético do rebanho, para no final obtermos o que todo mundo deseja, lucro, produção de qualidade numa menor área”.

O Acrimat em Ação é realizado desde 2011 e tem como objetivo oferecer conhecimento técnico sobre assuntos pertinentes à pecuária de corte, fomentar discussões que estimulem o desenvolvimento da pecuária, promover uma maior integração entre os produtores, e ainda, identificar as necessidades específicas de cada região.

De acordo com o diretor regional da Acrimat e presidente do Sindicato Rural de Vila Rica, Anísío Vilela Junqueira Neto “Netão”, é preciso inovar para obter qualidade e rentabilidade na produção. “Precisamos acompanhar as mudanças. Sem as novas tecnologias e novas práticas, não vamos conseguir chegar a lugar nenhum. Para isso, é de suma importância eventos dessa magnitude. A Acrimat só veio somar, se aproximou cada vez mais do produtor, com temas que atendem do pequeno ao grande”.

Na segunda rota também teve município estreante. Poxoréu recebeu o projeto Acrimat em Ação pela primeira vez. Para o presidente do Sindicato Rural, José Jorge Sobrinho, conhecido popularmente como “Zé Viola”, o desejo é de que o município seja contemplado com o projeto e outras ações nos próximos anos.

“É uma importância muito grande para nós recebermos o Acrimat em Ação, uma vez que traz informações novas para os nossos produtores produzirem um animal de qualidade e obterem lucro na criação dos seus bovinos. Queremos receber o evento nos próximos anos, que continue trazendo informação para os nossos produtores e que eles possam absorver todos esses ensinamentos”.

O Acrimat em Ação 2019 ainda percorrerá mais 16 municípios, divididos nas rotas 3 e 4. A terceira rota será realizada de 22 a 30 de abril, nos municípios: Castanheira, Aripuanã, Colniza, Cotriguaçu, Juína, Juara, Tabaporã e Brasnorte.

SERVIÇO – A programação completa do projeto está disponível no site. A cobertura do evento pode ser acompanhada nas redes sociais da Acrimat: Facebook e Instagram.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

Vinho chileno com sabor de rebeldia

Já fui melhor nisso. Uns dez anos atrás, eu era um apreciador de vinhos. Na época, isso era uma espécie de moda, e, de todos os vinhos, o que eu menos apreciava era o chileno. Talvez em razão do meu paladar mais...

 

Enquete

Se a eleição para presidente tivesse Jair Bolsonaro e Sérgio Moro como candidatos, em quem você votaria?

 
 
 
Sitevip Internet