Notícias / Justiça

04/12/18 às 18:34

Após dois votos contra liberdade de Lula, pedido de vista adia julgamento no STF

'Com dois votos contra Lula, Gilmar pediu vista

André Brito, Diário do Poder

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Após dois votos contra liberdade de Lula, pedido de vista adia julgamento no STF

Além do tríplex e do sítio, Lula responde por corrupção e tráfico de influência em mais sete ações

Foto: Assessoria

Supremo Tribunal Federal foi adiado após pedido de vista do ministro Gilmar Mendes.

O ministro relator, Edson Fachin, considerou não haver fatos novos que justificassem a concessão da liberdade e votou contra o pedido.

Segunda a votar, a ministra Cármen Lúcia, que assumiu o lugar do ministro Dias Toffoli na Turma, seguiu o voto do relator para manter Lula na prisão.

Após o voto de Cármen Lúcia, o ministro Gilmar Mendes pediu vista (mais tempo para analisar o caso) e o julgamento foi adiado.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Juacy da Silva

Envelhecimento e saúde integral

A saúde, não no sentido simplesmente de ausência de doença,  mas sim, como enfatiza a Organização Mundial da Saúde, organismo especializado da ONU para esta área,  como “o mais...

 
 
 
 
Sitevip Internet