Notícias / Agricultura

19/10/18 às 08:28

Chuvas colaboram e Goiás já plantou cerca de 20% da área de soja

Laura de Paula, Grupo Cultivar

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Chuvas colaboram e Goiás já plantou cerca de 20% da área de soja

Foto: Divulgação

A chegada precoce das chuvas e sua continuidade nos últimos dias estão contribuindo para o bom andamento da semeadura de soja em Goiás. Pouco mais de duas semanas após o início dos trabalhos, a Associação dos Produtores de Soja e Milho no Estado (Aprosoja-GO) estima que já esteja plantada em torno de 20% da área prevista para a safra 2018/19 – entre 3,45 e 3,52 milhões de hectares. Esse é um cenário bem diferente do registrado em 2017, quando as lavouras não chegavam a 5% do total nesse mesmo período, devido à escassez de umidade no solo.

Neste momento, o plantio está concentrado no Centro-Sul do Estado, em especial no Sudoeste, que responde por cerca de 40% produção de soja goiana. Produtor na região, o presidente da Aprosoja-GO, Adriano Barzotto, avalia que a safra vem se desenvolvendo bem. "A chuva veio com um pouco mais de intensidade nesta semana, então os produtores firmaram no plantio. E as lavouras que já emergiram aparentemente não têm apresentado pragas nem doenças", relata.

Está prevista a ocorrência de mais chuvas ao longo dos próximos dias, o que deve propiciar condições favoráveis para a evolução do plantio. Conforme as previsões meteorológicas, todo o Estado deve registrar precipitações, mas os maiores volumes são esperados nas regiões Norte, Nordeste e no entorno do Distrito Federal. Em geral, a semeadura nestas localidades predomina entre o final de outubro e a primeira quinzena de novembro.  

Assim, por enquanto, as expectativas são animadoras. "Acreditamos que o plantio vai ficar dentro da janela ideal nesta safra, refletindo diretamente também no rendimento e na área plantada de milho safrinha em 2019", pontua o consultor técnico da Aprosoja-GO, Cristiano Palavro. "Torcemos para que a chuva continue no decorrer do desenvolvimento das lavouras para que a gente obtenha uma boa produtividade", completa Barzotto.

Fenômeno El Niño

O consultor da Aprosoja-GO alerta para as evidências de que um "El Niño" esteja se formando, o que pode influenciar o clima desta safra de soja. Quando esse fenômeno acontece, as chuvas costumam ficar instáveis no Centro-Oeste brasileiro e as temperaturas mais elevadas que o normal. "Porém, não há correlação direta entre a ocorrência do 'El Niño' e perdas de safra", informa Palavro.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Aurélio Mendanha

Ande lega! Direitos e deveres de quem anda de Bicicleta

No Brasil e não seria diferente no Município de Agua Boa, cada vez mais as bicicletas são usadas como um meio alternativo de transporte. Andar de bicicleta é uma atividade que tem encontrado cada vez mais adeptos na...

 
 
 
 
Sitevip Internet