Notícias / Agricultura

25/09/18 às 12:35

Aquamat na Estrada percorre Mato Grosso para fomentar a atividade de piscicultura

Cairo Lustoza - Pauta Pronta

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Aquamat na Estrada percorre Mato Grosso para fomentar a atividade de piscicultura

Foto: Assessoria

A Associação dos Aquicultores do Estado de Mato Grosso (Aquamat) iniciou no último sábado (22/09) em Rondonópolis, o projeto “Aquamat na Estrada 2018”, que vai percorrer os sete principais polos de produção de peixe no estado. A primeira etapa contou com a participação de cerca de 60 piscicultores, que receberam por meio de palestras informações sobre a cadeia produtiva.
 
O presidente da Aquamat, Daniel Garcia de Carvalho Melo avaliou positivamente a primeira etapa e espera a mesma participação dos produtores de peixes nas próximas regiões a serem visitadas pelo “Aquamat na Estrada 2018”.  “Foi um evento ótimo onde tivemos a grande presença de muitas pessoas, com os produtores com grande interesse de saber sobre piscicultura, como licenciamento ambiental, beneficiamento de pescado, suprimentos, legalidade da atividade, enfim com muitos questionamentos o que nos deixa muito satisfeito com essa primeira etapa”, disse.
 
No estado são cadastrados no Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (Indea) 2.560 produtores, o que refletiu em uma produção em 2017 de 62.000 toneladas de peixes superando a capacidade de abate dos nove frigoríficos ativos em Mato Grosso que é de 54.000 toneladas/ano.
 
Dentro das orientações repassadas aos produtores, o coordenador de defesa sanitária animal do Indea-MT, João Marcelo Brandini Néspoli destacou a importância do cadastro da propriedade e da atividade junto ao órgão. “Se o piscicultor tiver uma lamina d’água de até cinco hectares basta este cadastramento no Indea, mas se ultrapassar este limite ele terá que obter o licenciamento ambiental da secretaria estadual de Meio Ambiente. Outro ponto a ser observado pelo produtor é a expedição da guia de transito animal, mesmo que o transporte para o estabelecimento de processamento seja feito no gelo, o GTA é fornecido pelo serviço de inspeção federal, estadual e municipal”, explicou.
 
O “Aquamat na Estrada 2018”, ainda percorrerá as cidades de Alta Floresta, Tangará da Serra, Sorriso, Barra do Garças e São Felix do Araguaia.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

José Luiz Tejon Megido

China: consumidores globais, vontades iguais

Todos temos uma ideia aproximada da expansão da China, que cresce, em média, 9,7% ao ano desde 2000. A China tem quase 100 firmas dentre as 500 maiores do mundo, e tem o 2° maior Produto Interno Bruto (PIB) do planeta, em busca...

 
 
 
 
Sitevip Internet