Notícias / Água Boa

19/09/15 às 16:36 / Atualizada: 19/09/15 às 16:50

Coletiva do Governador a mais de 90 emissoras de rádio de MT; ouça o áudio das respostas as perguntas dos radialistas Celso Blemer de Água Boa e Róbson Bráz de Canarana

Thiago Andrade

Redação/ Gcom-MT

Imprimir Enviar para um amigo
O governador Pedro Taques concedeu, nesta quarta-feira (09.09), entrevista coletiva ao vivo para mais de 80 emissoras de rádio de Mato Grosso. Na oportunidade, o chefe do Executivo fez um balanço dos oito primeiros meses de gestão e respondeu perguntas de jornalistas de vários municípios do estado. As emissoras de rádio entraram em cadeia às 8h, quando começou a transmissão, direto do Palácio Paiaguás, em Cuiabá.

Logo no início, o governador resumiu as ações previstas no programa Transforma Mato Grosso, lançado em julho pelo Poder Executivo e que promete investir R$ 3 bilhões em mais de três mil ações até o final do ano. “O Transforma Mato Grosso tem ações nas mais variadas áreas como: infraestrutura, saúde, segurança pública, educação e desenvolvimento para que possamos encontrar as vocações econômicas das regiões, isto nós estamos fazendo neste Estado de transformação”, disse.

Questionado por dois jornalistas sobre segurança pública, o governador lembrou que em oito meses o Estado garantiu mais de 3.490 homens nas forças de segurança (Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros). Destacou ainda que o Estado já estuda uma forma de levar para as ruas os cerca de 300 policiais militares que fazem a segurança dos Poderes e órgãos constitucionais.

Na área de infraestrutura, Taques lembrou que mais de 170 frentes de trabalho estão espalhadas por todo Estado, através do programa Pró-Estradas. Destacou também que o governo busca a liberação de R$ 470 milhões para a construção de pontes de concreto e mais R$ 250 milhões para investimentos na malha rodoviária.

O governador também comentou a situação da Zona de Processamento de Exportação (ZPE) de Cáceres. Segundo ele, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico (Sedec) está finalizando o projeto executivo do empreendimento. A primeira fase tem um valor previsto de R$ 16 milhões, para integralizar o total, o governo pretende aumentar a participação acionária na Administradora da Zona de Processamento de Exportação de Cáceres (Azpec). Taques garantiu que a ZPE é prioridade na gestão Estadual.

Outro questionamento foi quanto as obras que não ficaram prontas a tempo da Copa do Mundo de 2014. Taques afirmou que 14 obras estão sendo retomadas com responsabilidade e que serão entregues à população 100% concluídas, com segurança para quem usa.

Quanto ao VLT, o governador afirmou que o Estado já pagou 75% do valor total da obras, mas que a parte física ainda não chegou a esse patamar. Lembrou que o governo conseguiu decisão favorável da Justiça Federal para a realização de um estudo que fará um levantamento de tudo que foi feito, apontando erros e acertos, além do plano de mobilidade. Ainda sobre o VLT, Taques ressaltou que os R$ 6 milhões que serão investidos para recuperar os canteiros serão descontados do valor da obra.

O secretário de Comunicação, Jean Campos, comemorou o resultado da segunda entrevista concedida pelo governador. “A transparência é um dos pilares deste governo e este é um momento muito importante para a concretização da política pública de transparência que o governo prega. Quando o cidadão, por meio das rádios, ele participa da administração, nós temos certeza que as políticas públicas são aprimoradas por conta dessas ações”, afirmou.

A entrevista em cadeia foi uma realização do Gabinete de Comunicação do Estado (Gcom), por meio da Superintendência de Rádio e consta no acordo de resultados do Gcom.
Imprimir Enviar para um amigo

Vídeo Relacionado

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

New Deal no Brasil

Bairro simples da periferia. O cheiro de café ainda estava pela cozinha e transpunha a sala com móveis simples, um sofá velho e uma antiga televisão que tinha em cima dela algumas xícaras, daquelas que têm o...

 

Enquete

Se a eleição para presidente tivesse Jair Bolsonaro e Sérgio Moro como candidatos, em quem você votaria?

 
 
 
Sitevip Internet