Notícias / Curiosidades

21/06/18 às 14:53

Polêmicas impulsionam vendas da grife Balenciaga

Débora Ramos

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Polêmicas impulsionam vendas da grife Balenciaga

Foto: Divulgação

Se, antes, o estilo das marcas de luxo era a alta costura, peças refinadas e extremamente elegantes, agora a moda é funcional e confortável. Grifes como a Balenciaga investem em peças do cotidiano e do estilo streetwear. Os adoradores das marcas de luxo se estapeiam para comprar itens exclusivos e de alto valor, mesmo que ele seja um calçado simples. O importante é que ele é assinado por uma determinada grife, fato este aproveitado pela companhia.

 No desfile de primavera-verão de 2018, ocorrido no ano passado, a Balenciaga lançou um crocs feminino com salto de 10 cm. Em fevereiro deste ano, antes mesmo de chegar às lojas, o calçado já tinha esgotado em poucas horas. O valor do item era de cerca de R$ 2.700.

 Recentemente, a grife francesa entrou em outra polêmica. O motivo foi o lançamento de uma camiseta simples, que parece ter uma camisa xadrez colada na frente. A peça foi colocada à venda por 935 libras (R$ 4,6 mil). Nas redes sociais, muitos ridicularizaram a marca, dizendo até que a grife estava promovendo um experimento social com os consumidores. Para quem deseja ter a camiseta, é necessário encomendar pela internet, já que ainda não está disponível nas lojas da Balenciaga.

Tudo parece vir do estilista Demna Gvasalia, que comanda as coleções da grife. O que ele faz é recriar alguma peça que não tem a menor conexão com o mundo do luxo. É o caso do Triple S da Balenciaga, que tem uma estética pesada e até mesmo antiquada. Apesar do design datado - relembra os anos 80 e 90 -, tem gerado uma comoção em torno dos millennials que curtem sneakers. De acordo com o CEO da companhia, François-Henri Pinault, a marca vai faturar mais de US$ 1 bilhão neste ano por causa do tênis.

O estilista é considerado transgressor na moda, porque transforma itens comuns em peças luxuosas. Outra criação do profissional foi a bolsa de feira, vendida por 99 centavos de dólar pela Ikea em um item de luxo no valor de US$ 2 mil. O motivo: o material de couro, o tamanho e o fato de ser uma versão limitada, o que agrega ainda mais valor ao item.

 Engana-se quem pensa que as polêmicas são negativas para a grife. Pelo contrário: são um enorme combustível. De acordo com a plataforma de pesquisa global Lyst, a Balenciaga se tornou a marca mais rentável do mundo, superando a Gucci e a Vetements. A busca por peças da Balenciaga aumentou 103%, com 220% mais produtos “em estoque”.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - 'Pessoas de lua'

Quantas vezes nos deparamos com pessoas que podem ser colegas de trabalho ou até parentes e residentes na mesma morada que dizem: “hoje eu não estou nos meus dias”; “hoje não estou...

 

Enquete

Quem você gostaria que fosse o próximo presidente do Brasil

 
 
 
Sitevip Internet