Notícias / Notícias Gerais

21/06/18 às 07:55

BR-158 - Baiano propõe ‘força-tarefa’ para Licença de Instalação

Naiara Martins da assessoria

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
BR-158 - Baiano propõe ‘força-tarefa’ para Licença de Instalação

Foto: Assessoria

BRASÍLIA/DF - O deputado Estadual Baiano Filho se reuniu esta semana, em Brasília, com o presidente da FUNAI, Wallace Bastos e o diretor de Desenvolvimento Sustentável, Rodrigo Faleiros para juntos darem continuidade à mobilização que envolve a conclusão do Plano Básico Ambiental (PBA) da BR-158, no contorno à reserva indígena Marawatsede. Desde que a FUNAI efetivou a entrega dos estudos indígenas ao IBAMA, em setembro do ano passado, o DNIT recebeu a Licença Prévia (LP) para a elaboração do PBA. Assim que concluído o plano básico, será a vez do IBAMA emitir em definitivo a Licença de Instalação (LI).  
 
De posse da LI, o DNIT terá condições de prosseguir com a assinatura dos contratos de execução junto às empresas, que após receberem a ordem de serviço, estarão autorizadas a mobilizar o canteiro de obras.
 
Lembrando que o DNIT já possui licitadas as empresas que irão executar os primeiros 85 km entre a localidade de “Luizinho” e Alto Boa Vista, e que se prepara para em breve lançar o edital para licitação do lote “B”, referente aos últimos 100 km entre Alto Boa Vista e Alô Brasil. A urgência pela licitação do último lote tem levado Baiano a estabelecer uma série de cobranças junto ao superintendente do DNIT em Mato Grosso, Orlando Fanaia.
 
Em abril, Baiano também esteve reunido com o coordenador Geral de Licenciamento do IBAMA, Ricardo Araújo quando recebeu em primeira mão, a confirmação sobre a emissão da Licença Prévia (LP) e a juntada dos demais laudos necessários à continuidade da documentação. Entre os documentos que compõem a Licença Ambiental Final da BR-158, já estão de posse do IBAMA as certidões emitidas pelo IPHAN (Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional); a análise técnica e epidemiológica do Ministério da Saúde, e as certidões de ocupação do solo expedidas pelos municípios impactados com a passagem da rodovia, neste caso, Bom Jesus do Araguaia, Serra Nova Dourada e Alto Boa Vista. 
 
BR-080 – Acompanhado do coordenador da reserva Indígena Pimentel Barbosa, Francisco dos Santos e do coordenador Regional Alexandre de Abreu, Baiano também cobrou que a FUNAI se reúna com as comunidades indígenas para a apresentação dos estudos realizados pela empresa Pró Sul, dando continuidade ao processo para a pavimentação da rodovia, ligando Ribeirão Cascalheira a Luís Alvez, em Goiás. A preocupação do parlamentar é acelerar as discussões junto às comunidades indígenas, a fim de que possíveis pendencias sejam sanadas, dando movimento ao processo que hoje se encontra paralisado.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - 'Pessoas de lua'

Quantas vezes nos deparamos com pessoas que podem ser colegas de trabalho ou até parentes e residentes na mesma morada que dizem: “hoje eu não estou nos meus dias”; “hoje não estou...

 

Enquete

Quem você gostaria que fosse o próximo presidente do Brasil

 
 
 
Sitevip Internet