Notícias / Policial

17/09/15 às 10:17 / Atualizada: 17/09/15 às 10:20

Polícia Civil de Cuiabá prende golpista por extorquir vítima de carro roubado

O anúncio da venda de um veículo em um site de compra e venda se tornou pesadelo para uma vítima, que teve o carro roubado e depois passou a ser extorquida por um golpista, com a promessa de devolver o veículo. A vítima procurou a Delegacia Especializada de Repressão a Roubos e Furtos de Veículos (Derrfva), da Polícia Judiciária Civil, que prendeu o criminoso, na noite de terça-feira (15.09).
 
O suspeito Elielson da Silva, 38, foi autuado em flagrante por extorsão e estelionato. Ele, segundo as investigações da Especializada, é considerado um dos maiores golpista do ramo. A prisão ocorreu após o suspeito exigir, mediante grave ameaça, o pagamento de “resgate” para devolver o veículo Saveiro 1.6, branco, roubado da vítima no dia 3 de setembro deste ano, no bairro São Roque, em Cuiabá.
 
Durante as diligências, a Polícia Civil apurou que Elielson da Silva tinha estreita ligação com o autor do roubo e, de posse de informações do veículo roubado, passou a exigir o pagamento da quantia de R$ 4 mil, pela restituição do veículo.
 
A Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos  foi acionada e passou a acompanhar de perto o autor do crime, conseguindo interceptar o mototaxista, que ele contratou para buscar o dinheiro da extorsão. O passo seguinte foi acompanhar o mototaxista até o local indicado pelo suspeito, no bairro Pedra 90,  onde foi preso em flagrante delito, na posse do celular utilizado na prática do crime.
 
De acordo com as investigações, o preso Elielson da Silva geralmente atacava vítimas que anunciavam veículos em sites de venda como “OLX”, “Bom Negócio”, “Usado Fácil”. Ele se identificava falsamente como “Dr. José”, “Dr. Fernando”, “Dr. Romildo”, “Dr. Pedro”, ou outro prenome, suposto “médico de Cáceres” ou outra cidade da Fronteira, e simulava interesse na aquisição de veículos ou outros objetos, como motores de barcos, motocicletas e até animais de estimação.
 
Em seguida,  o suspeito marcava um local para que seu comparsa, que ele mentia ser seu filho, geralmente “Eduardo” (nome fictício), encontrasse a vítima e, após verificar o veículo, solicitava um “test-drive”, momento em que era anunciado o roubo, tomando o veículo. 
 
No mês passado, em 13 de agosto, a Delegacia realizou a prisão em flagrante delito de Elielson da Silva, por crime de receptação e estelionato tentado. Mesmo sendo reincidente, ao autuado foi concedida liberdade provisória em Juízo.
 
Uma vez solto, Elielson da Silva voltou a agir, fazendo novas vítimas, até sua nova prisão na noite de ontem.  O suspeito já ficou preso 13 anos e possui condenações por homicídio tentado e estupros. “É indivíduo muito experiente na atividade de estelionato e extorsão”, disse o delegado Marcelo Martins Torhacs.
 
O carro da vítima ainda não foi localizado. 
 
A operação foi coordenada pelo delegado Marcelo Martins Torhacs, juntamente com a equipe policial da Delegacia Especializada, sob a supervisão do delegado titular, Wagner Bassi Júnior. 

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - Heranças, negócios...

         É normal darmos importância ao que acontece no âmbito de nosso campo de visão, os chamados acontecimentos físicos para os quais normalmente estamos preparados para...

 

Enquete

Você votaria em Bolsonaro ou em Lula se as eleições fossem hoje?

 
 
 
Sitevip Internet