Notícias / Agricultura

11/06/18 às 15:36

Preço do frete aumenta, agricultores de MT não conseguem escoar a produção de milho e armazéns estão lotados

Frete que tinha o custo de R$ 170 por tonelada aumentou para R$ 240. Sacas de soja ainda estão estocadas em armazéns.

Adriano Soares, TV Centro América

Edição: Clodoeste 'Kassu' AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Preço do frete aumenta, agricultores de MT não conseguem escoar a produção de milho e armazéns estão lotados

Caminhoneiros protestaram por 10 dias em MT

Foto: Kátia Krüger/TVCA

Com as mudanças na tabela de preço mínimo para os fretes no país, os produtores rurais de Mato Grosso não estão negociando o escoamento de grãos do milho. Os armazéns ainda estão com sacas de soja que não foram transportados desde a paralisação dos caminhoneiros, que durou 10 dias em maio.
 
Em uma fazenda localizada em Diamantino, a 209 km de Cuiabá, a colheita do milho teve início na semana passada. A produção começou a ser vendida antes do plantio da lavoura, segundo o produtor rural Amarildo Chirstofolli.
 
"Temos contratos das sacas e, mesmo com o frio, a colheita do milho está boa", disse.
 
Mesmo com a redução das áreas de plantio previstas no estado, a fazenda do produtor rural Erny Parisenti aumentou a área cultivada, de 11 mil hectares para 14 mil.
 
"Conseguimos avançar com a colheita da soja e, ao mesmo tempo, aumentar o plantio do milho", contou.
 
Avança a colheita do milho em Mato Grosso
Avança a colheita do milho em Mato Grosso
 
Com aumento de 30% na produção, a preocupação é estocar o grão do milho. Além da falta de espaço no armazém, a paralisação dos caminhoneiros atrasou a entrega de 200 mil sacas de soja.
 
Segundo o agricultor, o preço do frete que era de R$ 170 por tonelada está superior a R$ 240 por cada viagem.
 
"Hoje o preço do frete está maior que R$ 240 por tonelada e as sacas estão diminuindo", avaliou.
 
A greve dos caminhoneiros começou no 21 de maio contra o reajuste no preço do combustível anunciado pela Petrobrás e chegou ao fim, sem manifestações e sem pontos de bloqueio, no dia 31.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Marcos Vinicius De Oliveira E Sousa, em 11/06/18 às 20:28

    Á onde tá esse frete Alto assim ? Porque depois da greve estou carregando em querencia pelo mesmo valor de antes da greve e dentro da tabela . O frete do grão continua o mesmo o que mudou foi os ensumos e calcário que antes era carregado de graça e agora está igualado ao frete do grão.

 
 

veja maisArtigos

Juacy da Silva

Envelhecimento, um grande desafio

Todos os países, ao longo da história, experimentaram ou alguns estão experimentando ou ainda vão experimentar o que os estudiosos denominam de “transição demográfica”, que é uma...

 
 
 
 
Sitevip Internet