Notícias / Educação

02/03/18 às 15:07

Ainda não sabe o que estudar no segundo semestre?

Descubra os caminhos que você pode seguir, incluindo faculdade e fora dela

Débora Ramos

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Ainda não sabe o que estudar no segundo semestre?

Foto: Divulgação

Você está no terceiro ano do Ensino Médio e não faz a menor ideia do que pretende fazer quando acabar os estudos. Se isso soa familiar, saiba que você não está sozinho. Boa parte dos jovens se encontra nessa situação e não sabe para que área quer seguir, nem se deve optar por um curso técnico, graduação ou nenhum dos dois. O primeiro passo para resolver esse problema é não entrar em pânico.

Essa fase exige muito autoconhecimento e vai além das matérias que você aprende na escola. Procure saber sobre seus hobbies, sobre por quais habilidades você é reconhecido, o que faz nas horas vagas e quais habilidades você possui e que poderiam ser utilizadas em outra profissão. Converse com pessoas que já estão no mercado para conhecer o dia a dia das profissões e pesquise muito.

Caso fique em dúvida entre alguns cursos, uma boa dica é fazer uma busca pelas instituições de ensino que oferecem o curso para saber qual é a grade curricular empregada pela universidade. O foco de um determinado curso pode variar de instituição para instituição. Sabendo quais disciplinas você terá ao longo da jornada, será mais fácil escolher o que deseja fazer.

Um outro instrumento que pode te auxiliar é fazer testes vocacionais. Esse tipo de avaliação pode dar um norte sobre qual caminho seguir. Apesar disso, não será a solução dos seus problemas. Uma boa análise passa por questionários de autoconhecimento, psicólogos e profissionais do mercado, mas eles nunca lhe dirão o que fazer. Essa decisão é individual e depende exclusivamente de você. Por esse motivo, outro fator fundamental é não optar por uma área de atuação só por causa de parentes ou dos pais. Eles podem influenciar a sua escolha, mas nunca podem determinar o que você sente e o que realmente tem como objetivo concretizar. Em muitos casos, nem você sabe, quem dirá terceiros.
 
Curso técnico ou faculdade?
 
Muitas vezes, a dúvida não é a área, e sim a modalidade. Os cursos técnicos são mais curtos e duram de um a dois anos. Já as graduações de nível superior podem chegar a cinco anos. A grande diferença entre as duas é que a graduação de nível técnico prepara o profissional para atuar em tarefas mais operacionais, como farmácia e manipulação direta de produtos em fábricas ou indústrias, por exemplo. Já o ensino superior tem uma formação mais ampla e generalista, permitindo que o estudante siga os estudos e faça uma pós-graduação ou até um mestrado.

Para escolher, você deve ponderar o valor financeiro, a área de atuação e as oportunidades que terá. Um professor, por exemplo, só pode atuar em uma escola regular se fizer licenciatura. Por outro lado, se você deseja trabalhar com farmácia, talvez um curso técnico possa ser uma boa opção.
 
Outras possibilidades
 
De fato, a universidade é o caminho mais tradicional para um jovem que acabou de sair do Ensino Médio. Mas você não deve ficar preso a essas determinações sociais que são impostas. O mundo do trabalho passa por uma transformação vertiginosa, e o mais importante é estar sempre atualizado, acompanhar as tendências e se qualificar, seja por meio de um curso livre, de aprendizado por meio da internet ou um curso tradicional.

A internet e a tecnologia democratizaram a informação e os modos de produção. Hoje é muito mais fácil criar um negócio do zero – o que não significa que seja fácil. Existe conteúdo gratuito sobre programação na internet, bem como a possibilidade de criar aplicativos sem saber escrever uma linha sequer de código, só para citar alguns dos exemplos. O fundamental é perceber as transformações pelas quais o mundo passa. De acordo com o relatório The New Work Order, 60% dos estudantes australianos procuram carreiras que se tornarão obsoletas pelos avanços tecnológicos.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

New Deal no Brasil

Bairro simples da periferia. O cheiro de café ainda estava pela cozinha e transpunha a sala com móveis simples, um sofá velho e uma antiga televisão que tinha em cima dela algumas xícaras, daquelas que têm o...

 

Enquete

Se a eleição para presidente tivesse Jair Bolsonaro e Sérgio Moro como candidatos, em quem você votaria?

 
 
 
Sitevip Internet