Notícias / Barra do Garças

29/01/18 às 15:54 / Atualizada: 29/01/18 às 16:04

Delegado crítica juiz por soltar traficante: 'Cada dia mais difícil'

Em texto nas redes sociais, Wilyney Santana Rodrigues lamentou decisão de magistrado

Thaiza Assunção, Mídia News

Edição AguaBoaNews, Clodoeste Pereira 'Kassu'

Imprimir Enviar para um amigo
Delegado crítica juiz por soltar traficante: 'Cada dia mais difícil'

Foto: MidiaNews

O delegado Wilyney Santana Rodrigues, de Barra do Garças, criticou a decisão do juiz Douglas Bernardes Romão, da 1ª Vara Criminal da cidade, que mandou soltar, durante audiência de custódia, uma mulher presa com droga escondida na vagina.
 
Conforme o delegado, a mulher foi detida em flagrante pela Polícia Militar no sábado (27), após denúncia de que tentaria entrar com a droga no presídio do Município. 
 
A PM encaminhou a mulher ao Pronto-Socorro Municipal, onde ela passou por uma revista pessoal.
 
Em seguida, ela foi levada para a delegacia da cidade e autuada por tráfico de drogas.
 
Durante a audiência de custódia no Fórum, porém, o magistrado entendeu que houve constrangimento na revista e mandou soltar a acusada.  Veja  a decisão abaixo. 
 
“Pessoal, a cada dia fica mais difícil controlar o índice de criminalidade em nossa cidade. Pasmem... Neste final de semana foi lavrado um APF por tráfico de drogas em Barra do Garças, onde a autuada escondia drogas nas partes íntimas e para tanto foi encaminhada até o Pronto Socorro Municipal para revista pessoal. A autuada, durante a audiência de custódia, teve o flagrante relaxado porque o Juiz entendeu que houve constrangimento na revista. Tirem suas próprias conclusões”, criticou o delegado em um texto publicado nas redes sociais.
 
Para ele, a decisão é um “balde de água fria” no trabalho dos policiais.
  
“Para quem tem princípios e procura fazer um trabalho sério a nível de segurança pública isso é um balde de água fria. A cada dia fica mais difícil trabalhar, pois sinto com tristeza que os valores estão sendo invertidos. Leva-se muito mais em consideração o direito do delinquente ao direito da sociedade, até porque uma pessoa que se propõe em colocar drogas dentro das partes íntimas não está preocupada com a sua dignidade. Decisão judicial não se discute... Cumpre-se, todavia o que faço neste momento é dar publicidade para que cada um tenha suas próprias conclusões”, pontuou.
 
Veja fac-símile da decisão:
Imprimir Enviar para um amigo

comentar1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Julio César carneiro da costa, em 29/01/18 às 21:20

    Parabens sr. Delegado pelo excelente trabalho...parabens pelo magnifico desabafo...isso mostra q o sr. É uma pessoa de carater...ja em relaçao a esse juiz nao posso dizer o mesmo, conduta zero..o q acho engraçado é q qdo prende alguem por engano essa pessoa fica meses ou ate ano na cadeia por erro de um juiz...agora qdo pega um bandido fica menos de 48 horas pq foi constrangido...me poupe

 
 

veja maisArtigos

Welyda Cristina de Carvalho

Ampliação da produção já depende de ferrovias

Todo ano, empresários do setor, produtores e governos têm dificuldade de criar condições para transportar grãos Uma nova safra recorde de milho e algodão começou a ser colhida e deve avançar...

 
 
 
 
Sitevip Internet