Notícias / Educação

04/09/15 às 08:35 / Atualizada: 04/09/15 às 08:42

SEMANA DA PÁTRIA: Estudantes conhecem instituições da Segurança durante a Semana da Pátria

Tita Maria Teixeira e Hérica Teixeira

Assessoria Politec e Sesp-MT

Imprimir Enviar para um amigo
Integrando a programação de visitas às forças de segurança em comemoração à semana da Pátria, estudantes do 5º ano da Escola Municipal Agostinho Simplício de Figueiredo puderam conhecer, na manhã desta quinta-feira (03.09), as atividades da Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec). 

Em uma aula diferente, os alunos aprenderam na prática sobre a missão e a importância da Politec desde a emissão do documento de identidade até o auxílio nas investigações policiais. 

Durante a visita eles acompanharam uma palestra de boas vindas realizada pelo perito criminal Pierre Biancardini Junior, que explicou sobre os produtos e serviços ofertados pela instituição, e também como cada um pode auxiliar a Politec ao presenciar um crime. 

“Foram repassadas a importância da comunicação das ocorrências às autoridades competentes, da preservação do local de crime, e como a interferência nos vestígios encontrados podem atrapalhar as investigações. Ao divulgar a instituição nas escolas pretendemos despertar o interesse das crianças nas áreas afins, para que futuramente possam vir a integrar o nosso quadro de servidores”, pontuou. 

Em seguida, os estudantes foram divididos em grupos para visitarem a Diretoria Metropolitana de Identificação Técnica, onde é feita a confecção e o processamento do documento de identidade e também os serviços de identificação criminal. 

Ao mesmo tempo, outro grupo participava de uma simulação de local de crime. Os peritos criminais realizavam o levantamento e demarcação dos vestígios, enquanto os procedimentos eram explicados e os materiais coletados para os exames periciais. Peritos do Laboratório Forense demonstraram exames preliminares de drogas, decorrentes de apreensões policiais. No local, os alunos também puderam conhecer a viatura unidade móvel de perícias. 

“Ao mostrar os tipos de drogas mais comuns encaminhadas para a perícia, buscamos alertar sobre as consequências de seu uso, ilustrando uma cena de crime de morte violenta motivada pelo uso de drogas”, explicou o perito criminal Paulo Oliveira. 

Segundo a professora Elza Alves da Silva Barbosa, a visita foi produtiva e os conhecimentos adquiridos serão aprofundados nas lições em sala de aula. 
 
Ainda pela manhã, 40 estudantes da Escola Estadual José Mendes Martins conheceram o hangar do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer). 

No local, os alunos conheceram o trabalho prestado pelo grupamento aéreo, como resgate, busca, salvamento e o atendimento de ocorrências policiais. Os adolescentes puderam ver de perto os helicópteros do Ciopaer e flagraram o momento de uma decolagem para atendimento. 

Para o adolescente Henrique Júnior, de 14 anos, estudante do 9º ano do ensino fundamental, a manhã foi a realização de um sonho. “Achei muito legal conhecer esse espaço. Gostei de ver o helicóptero. Meu sonho é ser piloto de avião. Hoje foi um dia muito especial”, falou. 

 
A professora Rosemey Silva Neves afirmou que a visita acrescenta muito na vida estudantil dos alunos, que são de uma comunidade carente. Para ela, momentos como esse proporcionam o sonho por um futuro melhor. “A carreira militar é uma área muito admirada. E aqui mostramos a eles que devem seguir em frente”, completou.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Dr. Rosário Casalenuovo Júnior

Queimada e tempo seco não são os agentes principais das doenças respiratórias

As clínicas de otorrinolaringologista e pneumologia ficam cheias nesta época do ano. Crianças e idosos sofrem para dormir, principalmente devido à baixa resistência do organismo, fato que provoca com facilidade...

 
 
 
 
Sitevip Internet