Notícias / Internacional

15/01/18 às 08:37

Avião derrapa na aterrissagem e cai em barranco na Turquia

Passageiros ficaram em pânico quando aeronave se descontrolou na pista. Não houve feridos.

Edição AguaBoaNews, Clodoeste Pereira 'Kassu'

Imprimir Enviar para um amigo
Avião derrapa na aterrissagem e cai em barranco na Turquia

vião derrapou da pista e parou no barranco à beira mar

Foto: Ihlas News Agency

Um avião derrapou na pista do aeroporto da cidade turca de Trabzon na noite de sábado (13) e acabou pendurado num barranco perto do mar. A aeronave Boeing 737 da Pegasus Airlines tinha 168 pessoas a bordo e vinha de Ancara.
 
Todo mundo a bordo foi retirado em segurança, disse o governador da província, Yucel Yavuz. Não foram relatados feridos. A causa do acidente está sendo investigada, segundo autoridades.
 
A agência de notícias estatal Anadolu disse que houve pânico a bordo quando o avião saiu de controle.
 
Uma das passageiras, Fatma Gordu, explicou à agência Anadolu os momentos de tensão que os passageiros viveram. "Começamos a nos inclinar para o lado e depois para frente, houve uma onda de pânico, as pessoas gritavam".
 
As imagens mostram o avião parado no limite das margens do Mar Negro.
 
Em outras imagens publicadas pela agência Dogan, fumaça preta era vista saindo da aeronave. O aeroporto chegou a ser fechado brevemente, mas reabriu neste domingo de manhã.


Avião saiu da pista em Trabzon, na Turquia (Foto: Muhammed Kacar/Dogan News Agency via Reuters)


Avião da Pegasus Airlines caído em barranco após deslizar na pista em Trabzon (Foto: Muhammed Kacar/Dogan News Agency/Reuters)
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Telma Cenira Couto da Silva

As mulheres da minha vida

Thomires era o nome da minha avó paterna.  Descendente de franceses, tinha a pele muito alva e os olhos azuis claros, que lembravam o mar. O louro esbranquiçado do seu cabelo remetia-me aos das minhas bonecas. Adorava admirar o...

 
 
 
 
Sitevip Internet