Notícias / Nacional

12/01/18 às 18:24

A semana política em Brasília: empossar ou não Cristiane Brasil? Eis a questão

Hédio Júnior

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
A semana política em Brasília: empossar ou não Cristiane Brasil? Eis a questão

Foto: Reprodução/Facebook

Como é comum nos meses de janeiro, os dias na política seguem mornos em Brasília. Supremo e Congresso de recesso. E o Palácio do Planalto tentando articular a reforma da Previdência sem deputados na cidade. Diante desse marasmo, o que movimentou mesmo a semana do Executivo foi o imbróglio envolvendo Cristiane Brasil, a deputada federal indicada para ser ministra do Trabalho, mas que não consegue ser empossada por carregar nas costas ao menos dois processos trabalhistas. Cristiane começou a semana nomeada e a terminou embargada.

A Advocacia Geral da União, órgão que atua como uma espécie de departamento jurídico do governo, indica que vai tentar junto ao Supremo Tribunal Federal dar posse a parlamentar, já que uma decisão do juiz da 4ª Vara Federal de Niterói travou a nomeação com uma liminar. Enquanto isso, a pasta segue sem um titular, já que o ex-ministro Ronaldo Nogueira pediu demissão no final do ano para se dedicar às eleições de outubro.

Cristiane é filha de Roberto Jefferson, deputado pivô do mensalão cassado em 2005. Jefferson foi expulso da Câmara, mas não saiu da vida política. Colocou a filha para seguir o seu "legado", enfrentou um câncer, nunca deixou o comando do PTB nacional, partido do qual faz parte, e se manteve no Rio de Janeiro. Agora, 13 anos depois da cassação, se prepara para ser candidato a deputado federal por São Paulo. Quer fazer o partido crescer no maior colégio eleitoral do país.

Jefferson é um homem intenso, de emoções. Desafiou o então todo poderoso ministro José Dirceu, do PT, a deixar o governo durante a CPI do Mensalão. Já apareceu com o olho roxo, justificado como um armário que caíra em cima dele no apartamento funcional que ainda ocupava em Brasília. E na semana passada, chorou. De emoção. Ao anunciar a jornalistas, que sua filha seria uma ministra de Estado, ele não se conteve. E viu na indicação uma espécie de renascimento da fênix em cinzas. “(Suspiro/emoção)... É o resgate sabe, é um resgate (de imagem, da família e de tudo que aconteceu no mensalão). Já passou, já passou”, disse, sem conter as lágrimas. 

Lideranças do PTB comandado por Jefferson declararam durante a semana que a indicação do nome de Cristiane pelo partido se mantém. Alheia ao fato de uma ministra do trabalho ter sido ré e condenada a pagar R$ 60 mil a um empregado por dívidas trabalhistas. A legenda fechou questão na Câmara a favor da reforma da Previdência. Fechar questão é tipo o parlamentar ser obrigado a votar como indicado, senão sofre sanções que podem até chegar à expulsão do partido.

Com a decisão do PTB, o presidente Michel Temer garantiu votos em um placar que ainda parece apertado e incerto. Resta saber se bancará o possível desgaste dessa nomeação e manterá até o fim a tentativa de empossar a ministra que ainda não foi.
 
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Dr. Orlando Barreto Neto

Gestação saudável & nutrição adequada!

É muito importante para a nova mamãe, ter hábitos alimentares adequados, incluindo em sua alimentação diária nutrientes que contenham todas as vitaminas e sais minerais necessários para uma gravidez...

 
 
 
 
Sitevip Internet