Notícias / Notícias Gerais

01/01/18 às 09:40

'A gente deveria trocar promessas por metas' recomenda psicóloga sobre ano novo

Vinicius Mendes, Olhar Direto

Edição AguaBoaNews, Clodoeste Pereira 'Kassu'

Imprimir Enviar para um amigo
'A gente deveria trocar promessas por metas' recomenda psicóloga sobre ano novo

Simone Magalhães

Foto: Reprodução

Um costume muito popular dos brasileiros na virada do ano são as promessas. Na esperança de que com o novo ano novas oportunidades apareçam, muitos se apóiam nas superstições para esperar que os objetivos se realizem. A psicóloga Simone Magalhães diz que as promessas de fim de ano ficam em um campo mais místico e explica que se não houver um planejamento para que os objetivos de fato sejam alcançados, nada mudará.
 
A psicóloga firma que nesta época é comum as pessoas refletirem sobre os erros e acertos cometidos durante o ano. No entanto, de acordo com ela, normalmente quem faz promessas ou se apóia em superstições não faz planos.

“As promessas de réveillon são uma tradição da nossa cultura há muito tempo. É um momento que as pessoas usam pra refletir sobre o ano que passou e criar os ideais daquilo que esperam pro ano que está entrando. O que acontece muitas vezes, primeiro é que as pessoas colocam essas projeções muito em um canto mais místico. Elas colocam a semente de romã na carteira, passam a virada com roupa amarela por que querem dinheiro, vermelho porque querem amor, enfim, elas não definem uma estratégia, ou metas objetivas para que de fato elas possam se empenhar naquela direção”, disse Simone.

Apesar de ser apenas mais um dia, a psicóloga diz que as pessoas vêem a data como uma oportunidade de recomeçar. Entrar na academia, parar de beber, emagrecer estão entre as promessas mais comuns e muitas pessoas esperam o ano novo para começar a mudança.

“É como se essas pessoas recarregassem as energias, neste sentido de agora então vem o ano novo, a passagem de ano e aí assim começa um novo ciclo. Tanto que o réveillon tem estas características, tem este sentido de ser uma nova oportunidade, de coisas novas que venham acontecer. E essas promessas ficam muito neste campo afetivo, emocional, elas não são racionais nem práticas. Mas do ponto de vista prático é simplesmente um outro dia. Não tem nenhum milagre que acontece na passagem de ano”, explica.

Como não há planejamento, muitas promessas morrem logo no início do ano. A psicóloga diz que vê isso em sua prática profissional e nas redes sociais.

“Para os nossos clientes a gente fala muito isso: aquilo que você prometeu em dezembro do ano passado, como é que está? Muitas vezes as pessoas nem se lembram do que elas prometeram. A gente também vê os memes, as postagens do Facebook e Instagram, falando que ‘chegou dezembro e eu ainda não entrei na academia’, então assim, as pessoas vão adiando, procrastinando. Só que como fica neste campo muito místico, pouco prático, aquilo que depende efetivamente da pessoa executar ela não se empenha. Não adiante adianta ter semente de romã na carteira e não economizar dinheiro, não fazer um planejamento financeiro, investir na carreira pra ganhar mais. Então não é a semente de romã que vai trazer isso, não adianta passar a virada de amarelo”.

Para que as promessas de ano novo não fiquem apenas nas promessas, Simone diz que o primeiro passo é saber o que realmente quer e depois dividir o objetivo em metas, para que seja mais fácil de cumprir.

“É importante definir exatamente o que está querendo o que está esperando, não fazer alguma promessa só porque está na moda, porque todo mundo faz. Na verdade a gente deveria trocar promessa por meta. Vamos imaginar que as minhas promessas, o meu compromisso para 2018 seja emagrecer cinco quilos, ou juntar dinheiro pra fazer uma viagem internacional no final do ano, eu preciso definir estratégias de como eu vou conseguir fazer isso. Se você não mudar, nada vai mudar. A gente orienta que primeiro definam as metas possíveis pra você e que de fato venham a atender aquilo que você está buscando. Definir como vai acompanhar se isso realmente está acontecendo ou não”, disse.

Outra dica prática que a psicóloga recomendou é colocar o seu objetivo em algum lugar visível, seja de forma escrita ou com fotos. Segundo ela, é importante escolher um lugar por onde você sempre passa e olha, pare te lembrar e te motivar a cumprir as metas.

“A palavra réveillon ela vem do francês e significa ‘acordar’ ou ‘reanimar’, então de fato é um momento legal pra você acordar ou reanimar naquelas coisas que você tem como propósito. Nas a maioria de nos não levamos para frente. Fica lá na energia no réveillon, com aquelas superstições. Essas crenças são legais, fazem parte da nossa cultura, mas se a gente não fizer algo diferente nada muda. Leandro Karnal [historiador e pensador] fala uma coisa que é simples e fantástica, ele diz assim: O ano não será novo se você for o mesmo”.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Elimine a Celulite., em 05/02/18 às 03:46

    Olá, Aguaboanews A celulite não perdoa ninguém e afeta milhões de mulheres de todas as idades e tipos de corpo. Para muitas, é causa de grande insegurança e vergonha. Mas isso chega ao fim agora , acesse o site para saber mais sobre o tratamento: https://www.elimineacelulite.com.br/af/5770 Att. Equipe Fim da Celulite. Não tem interesse nesta oferta: Remova Pelo Link sairdalista.site?u=http://www.aguaboanews.com.br&c=7f3fca6730c114722CDA

 
 

veja maisArtigos

Fernando Rizzolo

New Deal no Brasil

Bairro simples da periferia. O cheiro de café ainda estava pela cozinha e transpunha a sala com móveis simples, um sofá velho e uma antiga televisão que tinha em cima dela algumas xícaras, daquelas que têm o...

 

Enquete

Se a eleição para presidente tivesse Jair Bolsonaro e Sérgio Moro como candidatos, em quem você votaria?

 
 
 
Sitevip Internet