Notícias / Educação

07/12/17 às 10:36

Cresce procura por Ensino Superior a distância, diz Censo

Marina Fernandez

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
O ensino presencial não é mais a única opção para quem deseja se qualificar. O maior acesso à internet tem ajudado estudantes de todo país a se graduarem sem precisar frequentar as salas de aulas. De acordo com o Censo da Educação Superior 2016 do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), no ano passado, houve um aumento de 21,4% na procura por graduação a distância. Já o ensino tradicional registrou queda de 3,7%.

O crescimento dessa modalidade tem ocorrido por vários fatores, principalmente pelo custo-benefício e pela flexibilidade. Os cursos online são bem mais em conta do que os tradicionais, pois envolve menos custos para a universidade. Em um momento que o país vive tantas incertezas econômicas, é compreensível que muitos busquem alternativas mais econômicas para se especializarem.

Além disso, no ensino a distância, o aluno pode estudar onde e quando julgar melhor, evitando deslocamentos diários até o centro acadêmico. A universidade disponibiliza acesso virtual, materiais de estudo e vídeos para que o estudante possa aprender por conta própria de onde quiser. Apenas quinzenalmente ou mensalmente é que ele precisa ir à faculdade para fazer alguma atividade ou prova. E, sempre que necessitar, o estudante pode tirar as dúvidas com o professor e utilizar os espaços da universidade para estudar – incluindo a biblioteca.

O fato de não precisar se deslocar todos os dias também ajuda a economizar com transporte e alimentação. No Brasil, há muitos estudantes que se deslocam por longas distâncias entre a residência ou o trabalho e a faculdade, por isso, o ensino a distância também tem se mostrado uma alternativa para otimizar o tempo.
 
Validade

Os cursos superiores a distância são reconhecidos pelo MEC e têm a mesma validade que os tradicionais. Para as empresas, não há diferença entre contratar alguém com diploma presencial ou online. O que vale é o candidato se mostrar preparado para o mercado e estar sempre disposto a aprender, independentemente do tipo de ensino escolhido.

Ainda não são todos os cursos que têm sua versão online. As modalidades a distância ou semipresencial são oferecidas para aquelas carreiras mais teóricas, como Administração e Letras. Nos demais casos, quando é necessário frequentar laboratórios e fazer muitas atividades presenciais, somente o ensino presencial está disponível e é recomendado.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

João Spenthof

Cooperativismo de crédito: trabalhar para transformar

Cooperar é uma palavra que tem várias definições. Uma delas é operar em conjunto, é – o que podemos dizer – ser coautor(a) de uma mesma obra. Esses “coautores” são chamados de...

 
 
 
 
Sitevip Internet