Notícias / Negócios

28/11/17 às 11:47

Preço do etanol cai para R$ 1,97 em Cuiabá

Karina Arruda, Gazeta

Edição AguaBoaNews, Clodoeste Pereira 'Kassu'

Imprimir Enviar para um amigo
Preço do etanol cai para R$ 1,97 em Cuiabá

Foto: Chico Ferreira

Motoristas de Cuiabá foram surpreendidos positivamente pela queda no preço do etanol. O litro, que até semana passada era encontrado por R$ 2,21 (segundo a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis/ANP), nesta segunda-feira (27) “despencou” para R$ 1,99 e até R$ 1,97 em algumas revendas. Os valores são temporários, segundo os postos consultados, e serão válidos enquanto durar a baixa de preços nas distribuidoras, que fizeram uma “promoção” de fim de ano.

A promoção ajuda a aliviar as contas, segundo os consumidores, a exemplo da assistente social Jaqueline Figueiredo, que aproveitou a promoção e encheu o tanque no domingo (26) com o litro do etanol a R$ 1,99. “Toda promoção é bem vinda”.

A economia é perceptível. Com o litro do etanol a R$ 1,99, o consumidor consegue colocar 9 litros a mais no tanque em comparação com o maior preço encontrado nas revendas nesta segunda-feira, de R$ 2,42. A economia para abastecer um tanque de 40 litros chega a R$ 18, sendo, portanto, motivo de atração dos clientes e de formação de filas nos postos.

Pelo menos 3 redes de postos oferecem a promoção na Grande Cuiabá. Uma delas, a Amazônia Petróleo, oferta o produto a R$ 1,99. O gerente da rede, Antonio João Higa, informou que houve uma promoção realizada pela Distribuidora BR para algumas redes. A empresa realiza promoção nos 15 postos de Cuiabá e Várzea Grande e repassou para a bomba o desconto direto ao consumidor.

A campanha da BR é somente em Mato Grosso, porém não são em todos os postos de combustíveis. Higa afirmou ainda que não há previsão para finalizar a promoção com valor de R$ 1,99, pois depende da distribuidora. Porém, avisa que os preços deverão voltar ao valor normal logo após o término.

A mesma informação é compartilhada pelo administrador do Posto Manacá, de bandeira Ipiranga, que ofertou o produto a R$ 1,97 nesta segunda somente em dinheiro e débito. No cartão de crédito o preço é R$ 2,17. Max Rodrigues diz que a ação é movida pela “promoção de final de ano” da distribuidora, que baixou o preço para alavancar as vendas.

“Hoje fizemos esse preço, mas não sabemos até quando irá durar, porque assim que a distribuidora subir, o preço na bomba também subirá”.

Sem baixa nas usinas, o diretor-executivo do Sindipetróleo, Nelson Soares Junior, afirma que a promoção é pontual, motivada pela baixa no preço das distribuidoras. “O mercado é livre e como não teve queda no preço da indústria é uma ação temporária das distribuidoras motivada pelo livre mercado”.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Gilberto Figueiredo

Oficialização de Pazuello em Ministério garante continuidade de ações na Saúde

Foi com satisfação que recebi a notícia da permanência e oficialização de Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde. O gestor, que antes atuava como interino, assumiu oficialmente a pasta na...

 
 
 
 
Sitevip Internet