Notícias / Notícias Gerais

03/11/17 às 11:08

Arquitetos e Urbanistas de Mato Grosso elegeram novos membros do conselho estadual

Composição será igualitária: as três Chapas concorrentes elegeram três representantes de cada

Assessoria

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Foi divulgada nesta quarta-feira (1), pela Comissão Eleitoral Nacional do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil (CAU/BR), o resultado oficial da eleição da referia autarquia federal, com os nomes dos Conselheiros eleitos para o triênio 2018-220.

Em Mato Grosso, três Chapas concorreram ao pleito e, elegeram, respectivamente, três conselheiros cada uma, compondo as nove vagas disponíveis. São eles:

Chapa 1: Ana de Cássia Moraes Abdalla, Isabella Mamprim Balbino, José Antonio Lemos dos Santos
Chapa 2: José da Costa Marques, André Nor, Vanessa Bressan Koehler
Chapa 3: Carlos Alberto Oseko Junior, Marcel de Barros Saad, João Antonio Silva Neto

De acordo com as regras eleitorais, a Chapa 1 elegeu o representante federal, atual presidente do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Mato Grosso (CAU/MT), Wilson Fernando Vargas de Andrade, por ter obtido a maioria dos votos válidos, 37,7%, totalizando 409 votos. A Chapa 2 obteve 33,82%, 367 votos. E, a Chapa 3 registrou 28,48%, com 309 votos. Já a divisão dos assentos de conselheiros segue a regra proporcional: cada chapa ocupa o número de vagas correspondente ao percentual de votos obtidos.

A eleição ocorrida na última terça-feira (31), em formato online, também registrou 40 votos nulos e 24 votos em branco.

Dos 1.461 arquitetos e urbanistas considerados aptos a votar, listados no Colégio Eleitoral do CAU/BR, 1.149 compareceram, sendo 1.085 considerados como votos válidos (excluídos brancos e nulos). 

Os profissionais que não votaram, com exceção daqueles que possuem 70 anos ou mais de idade, devem justificar a falta através do Sistema de Comunicação do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (SICCAU) até o dia 31 de dezembro de 2017. Não será necessário anexar nenhum documento comprobatório. Caso não justifique sua ausência até essa data, o profissional terá que pagar uma multa equivalente a 5% do valor da anuidade, atualmente em R$ 532,60, conforme previsto no art. 42 da Lei n° 12.378/2010.

Em todo o Brasil, 74.584 arquitetos e urbanistas escolheram 28 conselheiros do CAU/BR e 326 conselheiros dos CAU/UF, mais os respectivos suplentes.

Os novos conselheiros assumem seus mandatos no dia 1º de janeiro de 2018 e permanecem até 31 de dezembro de 2020.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Eduardo Gomes de Andrade

De descendência

Feliz é o homem que resignadamente se deixa vencer pela idade – que respeita o ciclo da vida, que não desafia a fragilidade humana que o faz simples mortal. O peso dos anos para uns chega mais cedo, outros conseguem sobrevida...

 

Enquete

O governador Pedro Taques não vai liberar dinheiro para o Carnaval nos municípios. O que você acha disso?

 
 
 
Sitevip Internet