Notícias / Internacional

30/08/17 às 17:01

Três brasileiros são presos nos Estados Unidos por lavagem de dinheiro

Correio do Estado

Edição ÁguaBaNews, Clodoeste Kassu

Imprimir Enviar para um amigo
Três brasileiros são presos nos Estados Unidos por lavagem de dinheiro

Brasileiros presos nos EUA (FBrasileiros presos nos EUA

Foto: Escritório do Procurador do Condado de Burlington

Três brasileiros foram presos na última segunda-feira (28) pela polícia do condado de Burlington, em Nova Jersey, nos Estados Unidos, com a acusação de lavagem de dinheiro.

Segundo o Escritório do Procurador do Condado de Burlington, os três homens - teriam movimentado mais de US$ 100 milhões (cerca de R$ 316 milhões), além de permanecerem nos EUA de forma ilegal.
Renato Maia Da Silva, de 51 anos, Wesley dos Santos, de 33, e Lucas Alves, de 34, foram detidos em uma operação policial durante a qual foram apreendidos US$ 450 mil dólares (cerca de R$ 1,4 milhão), nove veículos, três motocicletas e 30 relógios de luxo. Além disso, várias contas correntes e cofres de aluguel em bancos.

A investigação, que durou mais de nove meses, começou quando agentes desconfiaram que a Consultoria MAIA descontava cheques de forma irregular. O inquérito apurou que a empresa era usada para pagar trabalhadores ilegais nos EUA, especialmente no setor da construção civil. Muitas empresas de construção da Costa Leste dos EUA estariam envolvidas no esquema.

"Este não é um crime sem vítimas. As transações financeiras ilegais aumentaram os custos de construção em nossa região, privaram o governo de impostos e colocaram trabalhadores vulneráveis em perigo", destacou o promotor Scott Coffina.

Segundo a polícia local, Silva era o dono da Consultoria MAIA, e junto com os dois outros brasileiros abriu empresas de fachada para obter ainda mais lucro com o esquema de lavagem de dinheiro. A análise de múltiplas contas bancárias e transações financeiras teriam revelado a lavagem de mais de US$ 100 milhões de dólares através de um "elaborado e ilegal esquema de cotação de cheques", burlando regulações trabalhistas e obrigações de seguro e de impostos. A consultoria recebia parte do dinheiro lavado.

Além de responder na Justiça americana por lavagem de dinheiro, Silva, Santos e Alves vão ter a situação imigratória analisada pelo governo pois eram imigrantes ilegais nos Estados Unidos.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar1 comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

  • por Bruno Nelseu Peters, em 30/08/17 às 19:06

    Mas os brasileiros não tem jeito mesmo.Oito milhões e meio de kilometros quadrados não são suficientes para suas maracutaias. Tem que la na terra do tio Sam aprontar,La o buraco é mais embaixo

 
 

veja maisArtigos

Evandro Carlos

Mauro Mendes, seu plano era “iludir”? Que pena, o meu era te fazer feliz!!!

A música Milu, do cantor mineiro Gustavo Lima, é um dos grandes hits da musica nacional da atualidade, nela o interprete conta a historia de alguém que vive iludido, lembrando que quem cai uma vez, cai três, mas que ele...

 
 
 
 
Sitevip Internet