Notícias / Educação

27/08/17 às 15:11

Seduc muda data de prova de concurso público de Mato Grosso

Prova para cargo de técnico administrativo educacional foi adiada

G1 MT

Edição para o AguaBoaNews, Clodoeste Kassu

Imprimir Enviar para um amigo
Seduc muda data de prova de concurso público de Mato Grosso

Foto: Divulgação

A data da prova para o cargo de técnico administrativo educacional da Secretaria Estadual de Educação (Seduc-MT) foi alterada devido ao número de inscrições para a vaga. A alteração foi publicada na edição do Diário Oficial do Estado que circula neste sábado (26), por meio da retificação do edital do concurso.
 
Um total de 93.318 candidatos pessoas fizeram a inscrição para concorrer às 928 vagas para o cargo de técnico administrativo.
 
A prova estava prevista para o dia 24 de setembro. Com a mudança, a prova para técnico administrativo será aplicada no dia 1º de outubro deste ano, sendo que a prova objetiva no período da manhã e a discursiva, à tarde.
 
Com as datas previstas no edital mantidas, a prova para professor da educação básica será aplicada no dia 17 de setembro, também de manhã e à tarde, enquanto a do cargo de apoio administrativo no dia 24 de setembro.
 
O concurso oferece 3.324 vagas para o cargo de professor; 1.496 vagas para o cargo de apoio administrativo e 928 para o cargo de técnico administrativo, além de cadastro de reserva de 50% do total de vagas.
 
Ao todo, 250.553 concorrem às 5.748 vagas oferecidas no concurso.
 
De acordo com a Seduc, os cargos mais concorridos são de apoio administrativo educacional, para o qual houve 111.615 inscrições. As vagas de técnico administrativo são disputadas entre 93.318 candidatos. Foram recebidas 45.620 inscrições para professor da educação básica.
 
Salários
 
A remuneração paga hoje aos professores em início de carreira é de R$ 3.640,34 (30 horas semanais). Para os demais cargos, os valores são de R$ 1.456,11 e R$ 1.167,12.
 
Provas
 
As provas serão aplicadas nos municípios polos de Mato Grosso: Alta Floresta, Barra do Garças, Cáceres, Confresa, Cuiabá, Diamantino, Juara, Juína Matupá, Pontes e Lacerda, Primavera do Leste, Rondonópolis, São Félix do Araguaia, Sinop e Tangará da Serra, em locais que serão divulgados em breve.
 
O concurso é realizado pelo Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC).
 
Além das quatro fases eliminatórias para o cargo de professor, o concurso ainda terá nota de corte de 5,0 pontos nas três primeiras etapas.
 
A primeira fase será composta por uma prova objetiva de múltipla escolha, com 70 questões, e a segunda fase por uma redação e uma prova dissertativa com quatro questões, sendo três da disciplina específica à qual o candidato concorre, e uma relativa às políticas públicas de educação.
 
Os classificados para a terceira fase passarão por uma avaliação didática com apresentação de uma aula, cujo conteúdo deverá ser pré-determinado, na área específica de atuação, com duração de 20 minutos para apresentação e 10 minutos para questionamentos da banca avaliadora. A quarta e última fase será a de avaliação de títulos, também de caráter classificatório.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - Espada de são jorge, pimenta, ferradura...

Para quem não conhece como funcionam as energias, pode ser pego de surpresa por alguns acontecimentos, afinal não é porque não acreditemos em certas coisas que elas não...

 

Enquete

Quem você gostaria que fosse o próximo presidente do Brasil

 
 
 
Sitevip Internet