Notícias / Agronegócios

29/06/17 às 16:35

CNTA quer criação de 'comitê preventivo' para evitar demissões na JBS

Representante nacional da categoria também adverte a possibilidade do aumento de doenças ocupacionais e acidentes de trabalho nas unidades da empresa

Gulyas Comunicação

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
CNTA quer criação de 'comitê preventivo' para evitar demissões na JBS

Foto: Assessoria

Preocupada com os reflexos negativos a partir das delações da JBS, que admitiu a prática de esquema criminoso para expansão dos negócios, a Confederação Nacional dos Trabalhadores nas Indústrias de Alimentação e Afins (CNTA Afins) reivindicou ao Ministério do Trabalho a criação de um "comitê preventivo tripartite". A entidade oficializou o pedido por meio de ofício protocolado na Pasta no dia 21 de junho. Atualmente, a JBS é responsável pelo emprego de aproximadamente 133 mil dos 550 mil trabalhadores das indústrias frigoríficas do Brasil.
 
"Diante de todo o panorama que vem ocorrendo, envolvendo os controladores da empresa, que confessaram pagamentos de propina, subornos, doações ilegais e outras práticas criminosas amplamente noticiadas, não resta nenhuma dúvida que estes fatos geram uma tensão enorme aos milhares de trabalhadores empregados nas unidades da JBS", diz o documento.
 
Segundo a CNTA, a categoria sofre uma tensão generalizada com o medo da perda do emprego e alerta a possibilidade do aumento de acidentes de trabalho e doenças ocupacionais nas unidades da JBS, dona das marcas Friboi e Seara.
 
Recentemente, dados da Secretaria de Previdência apontam o aumento do número de concessões de auxílio-doença por transtornos de ansiedade nos últimos anos, com um salto de 22,6 mil, em 2012, para 26,5 mil, em 2016. Já as despesas com o benefício somaram R$ 1,3 bilhão nesse período.
 
"Entendemos ser prudente criarmos um comitê preventivo tripartite, com representações dos trabalhadores, empresas e governo, objetivando proporcionar medidas capazes de tranquilizar os trabalhadores e evitar que mais milhares deles venham se juntar aos já milhões de desempregados", reivindica a CNTA ao Ministério do Trabalho.
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Nilton Moreira

Estrada Iluminada - Pandemia com clausura

Quando chegamos ao Planeta Terra encontramos dificuldades no convívio com pessoas que vamos encontrando pelo caminho. Interessante que não adianta nos mudarmos de bairro, cidade e até de estado, que vamos nos deparar com...

 
 
 
 
Sitevip Internet