Notícias / Política

20/06/17 às 20:39

Incentivo ao Esporte - Baiano Filho defende maior autonomia na gestão das políticas esportivas

Assessoria

AguaBoaNews

Imprimir Enviar para um amigo
Incentivo ao Esporte - Baiano Filho defende maior autonomia na gestão das políticas esportivas

Foto: JLSiqueira/ALMT

Referência no estado no período em que conduziu as políticas esportivas de Mato Grosso, o deputado estadual Baiano Filho participou, nesta segunda-feira (19.06), de uma audiência pública, promovida pela Assembleia Legislativa, voltada ao debate sobre a construção da Política Pública Estadual de Esporte e Lazer.

Requerida pelo professor e deputado estadual Allan Kardec, a audiência pública contou ainda com a participação de professores, estudantes e profissionais ligados aos setores esportivos, com expectativa de avanços no setor que hoje enfrenta dificuldades orçamentárias e de autonomia junto à gestão estadual, hoje vinculada à Secretaria de Estado de Educação (SEDUC).

Para o deputado Baiano Filho, neste cenário de dificuldades financeiras, os gestores devem pensar em soluções criativas para que o esporte não deixe de estar presente no dia-a-dia da população, nas mais diversas faixas etárias.

Por outro lado, Baiano Filho defende que o governo tenha um olhar diferenciado sobre as políticas públicas de incentivo as práticas esportivas, com mais atenção às federações e às iniciativas propostas pela classe, a exemplo de jogos e campeonatos.

“Vivemos um momento de dificuldades, que pode até diminuir o ritmo dos investimentos, mas não podemos desconsiderar a importância do esporte no contexto social, valorizando cada modalidade esportiva e suas potencialidades", argumentou Baiano.

Presidente do Conselho Regional de Educação Física (Cref-17), Carlos Eilert defendeu mais investimentos nas áreas. Atualmente, os setores contam com apenas 0,19% da Receita Corrente Líquida do Estado, o que equivale a R$ 39 milhões por ano. Ele defende que o percentual chegue a 0,3%, além da revisão do plano estadual de esporte, que é de 1999, entre outras medidas.

Em resposta, o secretário-adjunto de Esporte e Lazer do Estado, Leonardo Oliveira anunciou que o governo realizará conferências no segundo semestre desse ano para debater as leis que tratam dos setores em Mato Grosso. Na mesma linha seguiu o secretário-adjunto de Cuiabá Francisco Vuolo ao se referir ao município.
  • Incentivo ao Esporte - Baiano Filho defende maior autonomia na gestão das políticas esportivas
Imprimir Enviar para um amigo

comentar  Nenhum comentário

AVISO: Os comentários são de responsabilidade de seus autores e não representam a opinião do Agua Boa News. É vetada a inserção de comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros. O site Agua Boa News poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema da matéria comentada.

 
 

veja maisArtigos

Gilberto Figueiredo

Oficialização de Pazuello em Ministério garante continuidade de ações na Saúde

Foi com satisfação que recebi a notícia da permanência e oficialização de Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde. O gestor, que antes atuava como interino, assumiu oficialmente a pasta na...

 
 
 
 
Sitevip Internet